Quito se consagra mais uma vez como o melhor destino turístico da América do Sul

0

A cidade de Quito foi reconhecida, pelo quinto ano consecutivo, como Destino Líder da América do Sul no World Travel Awards (WTA), um dos prêmios mais prestigiados do setor de turismo em todo o mundo. A capital equatoriana ganhou também na categoria Destino Líder da América do Sul em Turismo de Reuniões e Conferências, consolidando sua liderança na região.

A decisão foi anunciada durante a cerimônia do World Travel Awards, que aconteceu no Hotel Hard Rock Riviera Maya, no México, e na qual participaram representantes internacionais do setor de turismo, hotelaria e imprensa especializada.

“Esses reconhecimentos são motivo de orgulho para todos os cidadãos de Quito. Mostram que o mundo vê Quito como um destino imperdível a ser descoberto na região”, disse a gerente geral da Quito Turismo, Verónica Sevilla, que participou do evento de premiação.

Sevilla também destacou a importância do reconhecimento à cidade como destino líder para o Turismo de Reuniões e Conferências: “Um dos objetivos que nos propusemos a alcançar foi consolidar o posicionamento de Quito nesse segmento e esse prêmio mostra que estamos conseguindo”.

Com esses prêmios, Quito passa a ser uma das cidades finalistas que vão competir no World Travel Awards global, numa cerimônia que acontece no dia 9 de dezembro, no Vietnã.

O crescimento constante do turismo reflete a liderança de Quito como destino. De acordo com os últimos dados oficiais, no primeiro semestre do ano a chegada de turistas estrangeiros por avião teve um crescimento de 2,3% em relação ao mesmo período de 2016, representando a um total de 314.183 turistas internacionais.

Entre os motivos desse crescimento se destacam a ampla e diversa oferta cultural, gastronômica e artística da cidade, as belezas naturais que a cercam, como o Bosque Nublado, e o fato de ser uma cidade moderna e conectada com o mundo.

De fato, Quito é uma “cidade inteligente”, que se atualiza constantemente. Além de chegar ao novo Aeroporto Internacional Mariscal Sucre, o mais moderno da América do Sul, os visitantes têm a possibilidade de compartilhar suas experiências usando Wi-Fi gratuito em vários espaços públicos, como praças, parques, aeroportos e centros comerciais. A cidade avança também em projetos estratégicos como o Metrô de Quito, que vai transformar a mobilidade na cidade com um sistema moderno e ágil.

 

No futuro, vários eventos especiais vão fortalecer o reconhecimento dado pela WTA à cidade como destino líder para o segmento MICE (Meetings, Incentives, Conferences and Exhibitions). A inauguração do novo Centro de Convenções Metropolitano de Quito, previsto para a segunda metade de 2018, será um passo estratégico nessa direção. Com capacidade para 13.000 pessoas e equipado com a mais recente tecnologia, o Centro de Convenções permitirá realizar vários eventos de escala regional ou mundial simultaneamente.

 

No ano que vem, Quito será sede da Routes Américas 2018, o evento mais importante do setor de aviação na região, que servirá como vitrine das belezas e propostas que a capital oferece. A cidade tem sido anfitriã de importantes reuniões ou eventos globais, com destaque para a Cúpula das Nações Unidas sobre Habitação e o Desenvolvimento Urbano Sustentável Habitat III, celebrada com êxito em 2016.

 

Além de ser a primeira capital do mundo a ser reconhecida Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO, em 1978, Quito foi nomeada Capital Cultural das Américas em 2011 e é considerada uma das 50 cidades mais bonitas do mundo pelo famoso guia Condé Nast Traveler 2016. O Bosque Nublado de Quito foi incluído pela National Geographic Travel 2017 como um dos 17 melhores lugares de beleza natural do mundo para visitar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here