2º Fórum Anseditur destaca motivos para investir em turismo criativo

Débora Gonçalves, do MTur, observa que os destinos devem aproveitar o turismo doméstico para fidelizar os brasileiros

Anseditur
Cacau de Paula (Recife), Débora Gonçalves (MTur) e Mário Moreira Pilar Neto (Embratur)

Dando início à série de palestras do 2º Fórum da Associação Nacional de Secretários e Dirigentes Municipais de Turismo (Anseditur), Débora Gonçalves, secretária nacional de Atração de Investimentos, Concessões e Parcerias do Ministério do Turismo (MTur), e Mario Moreira Pilar Neto, da gerência de Promoção internacional do Turismo Cultural da Embratur, destacam sobre a importância do turismo criativo, tema central do encontro. O evento, que está ocorrendo de forma presencial no Cinetatro do Parque, em Recife (PE), ocorrerá até a próxima quarta (22).

Débora, que substitui o ministro Gilson Machado, destaca a importância dos líderes e secretários inovarem e fazerem o possível para que a retomada ocorra e que os 8% do Produto Interno Bruto (PIB) representado pelo Turismo seja superado nos próximos anos. E o turismo regional é reforçado pela profissional como uma oportunidade.

“Temos um turismo represado e os turistas estão viajando pelo País, enquanto outros países não abrem para os brasileiros. Temos que fidelizar por meio de novos atrativos e atrações. Tudo é viável e de extrema importância. O que a gente puder fazer para ajudar, nos informem. O que a gente que fazer é descomplicar, fazer a nossa parte, preparar o terreno, fazer com que os investimentos cheguem à cidade, tragam emprego e renda e auxiliem na roda da economia”, comenta a executiva.

Moreira Pilar Neto, que representou a Embratur, complementou a ideia passada por Débora, reforçando que o turismo criativo gera economia criativa, e demonstrou, com base em cases internacionais, como o turismo criativo consegue proporcionar novas oportunidades para os destinos. Alguns dos exemplos citados incluíram roteiro de Sex in The City e de Jack, o Estripador.

Deixe uma resposta