A tocha olímpica no Amazonas

Manaus (AM) figura entre os destinos mais em alta para o fim do ano, segundo ranking do Kayak

O Amazonas será o estado da Região Norte onde a tocha olímpica visitará o maior número de cidades.  No dia 19 de junho, o símbolo dos Jogos Olímpicos Rio 2016 desembarca em Manaus, onde pernoita depois de visitar os principais atrativos turísticos locais. Dali, parte para Presidente Figueiredo e, depois, para Iranduba, na região metropolitana da capital amazonense.

A passagem pelo Amazonas dá continuidade ao roteiro aéreo de 10 mil milhas do revezamento, que começa em Palmas (TO), no dia 11 de junho, e termina em Porto Velho (RO), no dia 22.  Em Manaus, fazem parte do roteiro da tocha ícones do turismo local como o Teatro Amazonas, de 1896, símbolo da riqueza gerada pelo Ciclo da Borracha, e a Ponte Rio Negro. Como não poderia deixar de ser em um evento esportivo da dimensão da Olimpíada, a chama iluminará também a Arena da Amazônia, estádio construído para a Copa do Mundo e que agora será também uma das sedes do futebol olímpico.

O grande cenário de celebração da passagem da tocha por Manaus será a Ponta Negra, cartão postal da capital revitalizado com recursos do programa Prodetur do Ministério do Turismo. No dia 20, o revezamento continua em Presidente Figueiredo, município repleto de cachoeiras e possibilidades de convívio com as riquezas da Floresta Amazônica. A tocha se despede do Amazonas em Iranduba, na margem direita do Rio Negro e conhecida pelos hotéis de selva e sítios arqueológicos que abriga.

Manaus recebeu reforço do Ministério do Turismo para, além de destino de natureza e aventura, se consolidar como importante centro de negócios do norte do país. A construção do Centro de Convenções do Amazonas, obra com R$ 62 milhões aportados pelo MTur, é um exemplo desta parceria. No total, os investimentos no Amazonas somam mais de R$ 121 milhões, que custearam também a construção de um centro de artesanato e pousadas comunitárias em Iranduba.

O revezamento da tocha olímpica começa no dia 3 de maio, em Brasília. Até o dia 4 de agosto, véspera do início dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 percorrerá mais de 330 cidades de todas as regiões do país.

Confira o mapa do revezamento da tocha olímpica, produzido pelo Ministério do Turismo: https://www.google.com/maps/d/viewer?mid=zYGAkQAkspHI.kVZDeRNxWtDA

 

Equipe de Redação

Deixe uma resposta