Affinity estabelece trabalho a distância e pausa Show de Prêmios

Além do trabalho remoto, a Affinity estabeleceu a pausa na campanha Show de Prêmios que terminaria originalmente em julho

Affinity
José Carlos de Menezes, diretor geral e Marilberto França, CEO da Affinity.

Deste a última sexta-feira (20), a Affinity estabeleceu o trabalho a distância para todos os colaboradores por tempo indeterminado. O contato pode ser estabelecido por e-mail, telefone e Whatsapp. A medida é uma resposta a pandemia causada pelo Covid-19 (coronavírus).

“Para nós, a saúde é o bem mais precioso de todo ser humano. Portanto, diante da situação atual, com a pandemia do coronavírus, não faria sentido continuar agindo normalmente e colocando a saúde de nossos funcionários em risco”, afirma Marilberto França, CEO da empresa.

A empresa manifestou apoio as campanhas do setor que instruem os consumidores a não cancelarem suas viagens, mas adiá-las. “Desta forma, estamos sugerindo aos clientes Affinity que não cancelem seus bilhetes e, para isso, todos terão um prazo de até 24 meses para usarem o crédito numa próxima viagem”, explica França.

Show de Prêmios em pausa

A Campanha Show de Prêmios, iniciada em dezembro com previsão de término para julho foi paralisada temporariamente. A Caixa Econômica Federal, responsável pelos sorteios da Loteria Federal, informou publicamente que todos os sorteios serão suspensos por 3 meses.

“Até o momento já tivemos 30 profissionais premiados e assim que a situação no país se normalizar, vamos retomar tudo de onde paramos. É uma situação que foge do nosso controle, mas nosso compromisso com os agentes e corretores segue firme. Trabalhamos exclusivamente com o B2B e temos orgulho desse sistema de sucesso”, salienta o CEO.

Segundo França, a perspectiva de retomada do setor é gradativa. “Nosso segmento foi claramente um dos primeiros a sentir os efeitos da pandemia causada pelo Covid-19. Para as famílias, a prioridade neste momento é a saúde de pais, filhos, avós, e compreendemos essa decisão. Contudo, quando essa crise passar, e acreditem, ela vai passar, os brasileiros vão retomar seus planos de viagens. Todos nós teremos que estar prontos para essa recuperação”.

Leia mais:

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui