África do Sul estima crescimento de 15% no mercado brasileiro em 2019

0
Marcelo Marques, gerente de Relacionamento pára a América do Sul

Durante a noite desta quinta-feira (21), a África do Sul promoveu um encontro, no restaurante Capim Santo, em São Paulo, com amigos e parceiros, como a Grosvenor Tours, a fim de anunciar suas futuras ações para o ano, bem como os resultados registrados no ano passado, marcado pelo centenário de Nelson Mandela.

O destino vem se consolidando fortemente, conforme análise de Marcelo Marques, gerente de relacionamento da América do Sul da África do Sul. Segundo ele, após o crescimento recorde de 70% no mercado brasileiro em 2017 frente ao ano anterior, o ano de 2018 se mostrou ainda mais expansivo, contando com 10% de crescimento em cima do ano anterior entre os meses de janeiro e novembro, totalizando cerca de 70 mil brasileiros, 63% do mercado emissivo da América do Sul. O objetivo é manter o crescimento e contar com o acréscimo de 10% a 15% em 2019.

LEIA MAIS:  
Número de turistas brasileiros na África do Sul cresce 105% em 2017
África do Sul promove roadshow e aposta em até 15% a mais de turistas em 2018
Latam Travel promove capacitações na África do Sul e no Chile

“É um destino que vem crescendo exponencialmente. Por isso estamos promovendo ações este ano. Queremos apresentar aos agentes de viagens sobre o destino, deixá-los bem informados e familiarizados, treinando-os para vender com segurança. Em suma, visa o conhecimento, apresentando as complexidades do destino, como o safári, entre outros atrativos que tornam o lugar especial para o ano todo”, explica Marques.

Dentre as ações que serão realizadas, está a Indaba, conhecida como a principal feira de turismo da África. O evento, que acontecerá entre os dias 2 e 4 de maio, contou, no ano passado, com a presença de 23 países. “O encontro é a oportunidade de realizar novos negócio, além de estreitar relacionamentos e realizar networking”, afirma Tati Isler, gerente nacional de Turismo da África do Sul.

Outro destaque é o 4º Roadshow South African Tourism (STA). A ação, que ocorre entre os dias 5 e 11 de setembro, vai passar por Buenos Aires, Santiago e São Paulo. O destino também promoverá a South Africa Week, em parceria com a rede hoteleira Hyatt, entre os dias 27 de maio e 2 de junho, destacando a gastronomia e o enoturismo, privilegiado pela cultura de vinhos locais.

Além disso, o destino também promoverá famturs, bem como palestras que, segundo o gerente de relacionamento, visam aproximar a África do Sul com os viajantes brasileiros, destacados, por ele, como o principal mercado da América do Sul, juntamente com Argentina, Chile e Peru.

“Brasil e África do Sul têm uma conexão muito forte e ações, promovidas no ano passado, por exemplo, que ressaltam a história de Nelson Mandela demonstram isso. Se identificam muito pela luta por liberdade, resistência, transformação e resiliência. A gente acabou comprovando essa conexão entre os destinos”, complementa o executivo.

Marques ainda destaca a necessidade de apresentar aos agentes sobre o destino, deixando claro que ele vai além de safári e que, por isso, realizam cerca de cinco famturs por ano. “História de luta pela liberdade, rico em cultura, a vida na cidade, gastronomia, um povo acolhedor. É um mundo dentro de um país, com diversas experiências”, afirma.

Centenário de Nelson Mandela

Durante o ano passado, o destino aproveitou o centenário de Nelson Mandela para promover suas ações, apresentando, além da sua riqueza em cultura e história, os elos de semelhança entre o país e o mercado brasileiro.

Confira as ações realizadas:

  • Mulheres brilhantes para seguirem os passos de Nelson Mandela
  • Mural de homenagem a Nelson Mandela
  • Mostra Internacional de Cinema
  • Ações culturais no Emei Nelson Mandela
  • Seminário sobre educação para os direitos humanos
  • Campanhas em relógios de São Paulo
  • Lançamento do livro “Cartas na Prisão de Nelson Mandela”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here