Agentes de viagens online superam lojas no Reino Unido, diz estudo

Em 2018, o valor de mercado dos agentes de viagens on-line (OTAs) ultrapassou os agentes de viagens nas lojas
Segundo estudo, a tendência do mercado aponta para a crescente comercialização de viagens online. Foto: reprodução.

Até 2023, a Global Data prevê que o valor de mercado global dos agentes de viagens online atinja US $ 372 bilhões. As informações são baseadas no relatório ‘Impacto das viagens online’, feito pela empresa.

“É um dos destinos mais avançados tecnologicamente e as taxas de crescimento do valor de mercado da OTA superam o dobro das taxas dos agentes de viagens nas lojas de 2018 a 2023. OTA teve um CAGR de 2,6%, enquanto os agentes de viagens nas lojas tiveram um CAGR de 0,8%”, afirma Johanna Bonhill Smith, analista de viagens e turismo da GlobalData

O estudo aponta ainda que os consumidores estão impulsionando os destinos se atualizarem tecnologicamente. Segundo pesquisa de consumidor feita no terceiro trimestre de 2019, 39% dos viajantes do Reino Unido fizeram reservas por OTAs em 2019.

“Com o devastador colapso de Thomas Cook no início deste ano, o mercado de viagens do Reino Unido sofreu um forte golpe. Um dos principais fatores que contribuíram para o colapso das empresas parece ser a falta de inovação e investimento nas tendências de viagens on-line”, ressalta Bonhill-Smith acrescenta.

O executivo ainda defende, “para ser um sucesso, a agência precisa garantir que a inovação e a digitalização contínuas estejam no centro das estratégias para atrair o mercado de viajantes do Reino Unido, à medida que o valor de mercado da OTA continua a se expandir sobre os agentes de viagens nas lojas. ”


Leia mais
+Europcar vai dobrar a frota em 2020; saiba mais
+Luzeiros prevê ocupação mínima de 60% na nova unidade de Lisboa
+GRU Airport atende voos internacionais no Gatgru; entenda


 

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui