Air Canada tem recorde de receita no segundo trimestre; confira

A Air Canada obteve receita líquida de US$ 343 milhões entre abril e junho, sendo que, no mesmo período de 2018, o resultado havia sido negativo, deixando a empresa com déficit de US$ 102 milhões
Air Canada
Trecho da Air Canada será operado com a aeronave durante o ano inteiro em 2020

A Air Canada comemorou um recorde para o segundo trimestre de 2019. A companhia alcançou a marca de US$ 4,34 bilhões em receitas com passageiros no período. Assim, os índices de abril a junho representam uma alta de 10,7% em relação ao ano passado.

Desta forma, a companhia aérea canadense obteve receita líquida de US$ 343 milhões entre abril e junho, sendo que, no mesmo período de 2018, o resultado havia sido negativo, deixando a empresa com déficit de US$ 102 milhões.


LEIA MAIS

+ Air Canadá destaca ações e iniciativas que apoiam comunidade LGBT
+ São Paulo e Montreal terão voo direto pela Air Canada
+ Air Canada é eleita uma das empresas de maior diversidade do Canadá

A oferta da frota da Air Canada registrou alta de 2,3% e a demanda cresceu 3,6% no segundo trimestre. No mesmo período deste ano, a taxa de ocupação média da companhia ficou em 84,1%.

Air Canada e o caso Boeing 737 Max 8

O alto índice da Air Canada contrasta com as perdas causadas pelo banimento dos voos do Boeing 737 Max 8, em março. Segundo a aérea canadense, a ausência das operações das 36 aeronaves do modelo que deveriam estar na frota tem resultado em 100 voos cancelados por dia.


Leia Também:

Azul exibe programa Fraturas Comidas do Brasil em aeronaves
Gol promove palestra e destaca Voe Biz durante Gramado Summit
American Airlines deixa de voar na Bolívia; entenda

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui