Air France ajusta malha e reforça regras para adiamentos e cancelamentos

Voos para Fortaleza foram cancelados temporariamente; operações desde São Paulo e Rio de Janeiro seguem com frequências reduzidas

Air France

Com o desenrolar da crise causada pela Covid-19, a Air France atualizou hoje (31) suas políticas para viagens, incluindo recentes informações de países que passaram a adotar medidas de restrição de viagens de/para a Europa. Na França, a mudança para a Fase 3 de preparação para emergências contra a epidemia exigiu o fechamento de todos os serviços não essenciais, em vigor desde 14 de março de 2020.

Devido ao aumento das restrições de viagens e diante de um declínio acentuado na demanda, a aérea reduzirá a capacidade em até 90%, cenário previsto para durar dois meses. “Estamos monitorando continuamente a situação para ajustar nossos serviços em tempo real”, informa a empresa, por meio de nota. Além disso, após o anúncio do fechamento do aeroporto de Paris-Orly para a noite de hoje, a companhia informou que todos os voos a partir de 1º de abril de 2020 serão transferidos para o aeroporto Charles de Gaulle.

Para garantir o retorno de clientes e manter alguns serviços regionais, a companhia segue operando voos em frequências reduzidas para alguns destinos. A operação entre Paris e Fortaleza (CE) foi suspensa entre 22 de março e 3 de maio; a ligação da capital francesa com São Paulo (SP) e Rio de Janeiro (RJ) foi reduzida para três frequências para cada destino até 3 de maio.

Veja outras mudanças na malha

França metropolitana: Marselha, Nice, Toulouse
Departamentos no exterior: Cayenne, Fort-de-de-France, Pointe-à-Pitre, Saint-Denis de La Reunião
Europa: Amsterdã, Atenas, Barcelona, Berlim, Dublin, Edimburgo, Frankfurt, Genebra, Lisboa, Londres, Madri, Munique, Estocolmo, Zurique
África: Cotonou, Dakar, Abidjan
América do Norte: Nova York, Los Angeles, Montreal, Cidade do México
América do Sul: Rio de Janeiro, São Paulo
Ásia: Tóquio

Remarcação sem taxas

Clientes que compraram bilhetes antes de 31 de março de 2020 para voos com partida antes de 31 de maio de 2020 têm até 30 de setembro de 2020 para adiar a data de partida sem taxas de alteração, sujeito à disponibilidade na mesma cabine de viagem. O novo embarque deve acontecer até 30 de novembro de 2020.

Cancelamento com voucher para um ano

Clientes que compraram bilhetes antes de 31 de março de 2020 diretamente pelo site ou em uma agência da Air France para voos com partidas até 31 de maio de 2020 e desejam cancelar a viagem devem preencher um formulário on-line para obter um voucher de viagem. Este voucher não reembolsável é válido por um ano em todos os voos da Air France, KLM, Delta Air Lines, Virgin Atlantic e Kenya Airways.

As regras para adiamentos e cancelamentos também são válidas para clientes que tiveram voos cancelados. Nesse caso, o voucher poderá expirar depois de um ano sem utilização, garantindo o reembolso ao cliente depois desse período.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui