Air France-KLM prevê retomada de 60% da malha aérea até dezembro

Nesta segunda-feira (21), a Air France e a KLM anunciaram que terminarão o ano de 2020 com 26 voos por semana, quantidade que representa 60% da oferta disponível de voos internacionais para o Brasil no período pré-pandemia de covid-19

Air France-KLM

Nesta segunda-feira (21), a Air France e a KLM anunciaram que terminarão o ano de 2020 com 26 voos por semana, quantidade que representa 60% da oferta disponível de voos internacionais para o Brasil no período pré-pandemia de covid-19.

“Nunca termos parado e o fato de mantermos uma posição consolidada e forte na quantidade de voos ao longo deste ano destacam a importância do mercado brasileiro para o Grupo Air France-KLM. Somos líderes da retomada de operações internacionais de e para o Brasil, feita com cautela e foco na segurança e saúde de nossos clientes e colaboradores”, afirma Jean-Marc Pouchol, diretor geral Air France-KLM para a América do Sul.

A partir de 5 de outubro, a Air France terá seis voos semanais em São Paulo (GRU). E a partir de 19 de outubro, a companhia ofertará um voo diário para a capital paulista. O Rio de Janeiro (GIG) segue com quatro voos por semana. A companhia traz de volta a conexão entre Paris (CDG) e Fortaleza (FOR) a partir de 16 de outubro, disponíveis às quartas, sextas e domingos.

Baseada em Amsterdã (AMS), a KLM manterá a operação diária em São Paulo (GRU) e trará mais um voo semanal ao Rio de Janeiro (GIG) a partir de 26 de outubro, totalizando cinco frequências por semana para a capital fluminense.

Entre os destinos operados em todo o mundo, em setembro e outubro, a Air France chegará a 170 opções, o que corresponde a 85% de sua malha aérea habitual para a época do ano. Já a KLM chegará a 152 destinos, ou 90% de sua oferta usual.


Deixe uma resposta