Air New Zealand mantém suspensão de voos em decorrência do Covid-19

passageiros

Na última terça-feira (28) a Air New Zealand anunciou que não retomará as conexões Auckland-Buenos Aires e Los Angeles-Londres devido ao agravamento da pandemia causada pelo Covid-19 (novo coronavírus). O início das operações do voo Auckland-Nova York em outubro de 2020 foi adiado para o final de 2021.

A Air New Zealand continuará operando com malha internacional limitada atendendo viagens essenciais e movimentação de carga nas principais rotas comerciais. Os passageiros afetados com a medida poderão receber o valor do bilhete em crédito par ser aplicado em qualquer rota da companhia até 30 de junho de 2021. Há também a opção de reembolso integral ou parcial sem cobrança de taxas ou multas.

Confira a lista com as rotas suspensas:

  • Auckland e Chicago estão suspensos de 30 de março a 30 de junho de 2020;
  • Auckland e Honolulu estão suspensos de 30 de março a 30 de junho de 2020;
  • Auckland e Houston estão suspensos de 30 de março a 30 de junho de 2020;
  • Auckland e São Francisco estão suspensos de 30 de março a 30 de junho de 2020;
  • Auckland e Vancouver estão suspensos de 02 de abril a 30 de junho de 2020.

Deixe uma resposta