Airbus investe mais de US$ 1 bilhão em expansão no Alabama (EUA)

Os planos da Airbus inclui expansão de sua presença no estado, com novas contratações, além de maior fluxo de fabricação de aeronaves
(Foto: Divulgação)

A Airbus anunciou, nesta quinta-feira (9), que expandirá sua presença industrial nos Estados Unidos, como parte do seu plano de produzir 63 aeronaves da família A320 por mês em 2021. Essa expansão resultará no recrutamento de novos profissionais para a equipe de fabricação do A220, gerando mais de 275 empregos nas instalações do Alabama no próximo ano. A empresa também investirá outros US$ 40 milhões por meio da construção de um hangar de suporte adicional no local, elevando seu investimento total a mais de US$ 1 bilhão na cidade da Costa do Golfo.

O anúncio acontece após grande crescimento em 2019, quando a empresa adicionou 600 novos empregos no local de fabricação. A empresa está com planos já estabelecidos para a produção de quatro aeronaves A220 por mês na Mobile, local de montagem do Alabama, nos Estados Unidos, até meados da década. Além disso, está no caminho de produzir mais de 130 aeronaves no centro a cada ano para seus clientes de companhias aéreas.

“A Airbus fabrica nos EUA há muitos anos. Esse aumento na produção de aeronaves comerciais em Mobile é uma expansão empolgante de nosso significativo investimento industrial nos EUA e continua a contribuição positiva da Airbus para a indústria aeroespacial americana”, declara C. Jeffrey Knittel, presidente e CEO da Airbus Americas.

O profissional ainda afirma que o investimento se dá pelo apoio recebido pelo líderes estaduais e pelo Congresso. “Estamos ansiosos para construir esse forte relacionamento com nossos vizinhos. Isso vai além dos empregos, incluindo o apoio a iniciativas educacionais e o desenvolvimento futuro da força de trabalho que impactará positivamente a comunidade nas próximas décadas ao longo da Costa do Golfo”, se orgulha.

Além de suas operações em Mobile, a Airbus tem forte presença por todo o país norte-americanos. Isso inclui:

  • Centro de engenharia no Kansas
  • Instalações de treinamento na Flórida e Colorado
  • Suporte de materiais e sede na Virgínia
  • Um think tank (A 3) na Califórnia
  • Um centro de análise de dados de drones na Geórgia
  • Instalações de fabricação e montagem de helicópteros no Texas e Mississippi
  • Instalação de fabricação de satélites (OneWeb Satellites) na Flórida.

Além disso, apenas nos últimos três anos, a Airbus gastou quase US$ 50 bilhões nos EUA com mais de 450 fornecedores americanos, apoiando mais de 275 mil empregos americanos.

Neste ano, a Airbus ainda terá outros motivos para comemorar incluindo:

  • Celebração do seu 15 º aniversário em abril
  • Abertura da nova linha de montagem final da Airbus para o A220
  • Entrega do primeiro A220 fabricado nos EUA
  • Formatura dos primeiros alunos do programa de treinamento Flight Path 9 em maio
  • Participação da abertura do centro de experiência no Alabama em junho
  • Desenvolvimento da 200ª aeronave norte-americana da família A320 no verão.

Leia também:

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui