Alagoas anuncia novo polo de desenvolvimento para o turismo

A obra visa diminuir a distância entre a capital de Alagoas e destinos do Litoral Norte, como São Miguel dos Milagres e Porto de Pedras

isenção fiscal Alagoas
Rafael Brito, secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico de Alagoas

O Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado do Transporte e Desenvolvimento Urbano (Setrand), publicou, na última semana, em Diário Oficial, o aviso de licitação para a obra de implantação e restauração de um novo trecho da rodovia AL-101 Norte, que ligará a cidade de Barra de Santo Antônio a Barra de Camaragibe, resultando na criação de um polo de desenvolvimento turístico, para encurtar distâncias entre a capital Maceió e importantes destinos do Litoral Norte, como São Miguel dos Milagres e Porto de Pedras.

“O turismo em Alagoas tem avançado muito, mesmo diante de tantos desafios. Com o empenho e irrestrito apoio do governador Renan Filho temos apostado nas melhorias em infraestrutura, através das obras rodoviárias e sanitárias espalhadas por todo o estado, que são um diferencial na atração de grandes investimentos como o Vila Galé. As obras estruturantes, aliadas ao incansável trabalho promocional do destino que vem sendo feito junto às grandes plataformas e operadoras de viagens, vão garantir que o turismo seja, definitivamente, o grande propulsor da economia alagoana, gerando emprego e oportunidades de renda e negócios por todo o estado”, afirma Rafael Brito, secretário de Turismo de Alagoas.

O novo trecho da rodovia terá 13 km de extensão e irá encurtar em 30 quilômetros a distância entre Maceió e as cidades que compõem a conhecida Rota Ecológica de Milagres, que são Passo de Camaragibe, São Miguel dos Milagres e Porto de Pedras.

Paralelo aos avanços rodoviários, os investimentos em obras estruturantes garantem a chegada de novos empreendimentos hoteleiros. A cidade de Barra de Santo Antônio, por exemplo, que é o ponto de partida do novo trecho da AL-101 Norte e também será beneficiada pela duplicação da mesma rodovia, tem atraído investimentos significativos nos últimos anos, a exemplo do hotel resort Vila Galé, que vem sendo construído na praia de Carro Quebrado, com conclusão prevista para 2022.

“O investimento do Governo de Alagoas na ampliação da rodovia AL-101 é da maior importância para melhorar, não só a acessibilidade ao Hotel Vila Galé Alagoas na Praia do Carro Quebrado, mas para valorizar todo o turismo no Litoral Norte”, ressalta Jorge Rebelo de Almeida, presidente do grupo Vila Galé Hotéis.

O Vila Galé Alagoas será o maior empreendimento hoteleiro do Estado e terá 518 apartamentos, seis restaurantes, quatro piscinas, boate, spa, oito salas de reunião além de um parque aquático infantil. O investimento é de cerca de R$ 140 milhões, representa a 11º unidade brasileira da rede e irá gerar mais de 2 mil oportunidades de emprego na região.

Com o encurtamento das distâncias e a diminuição do tempo de viagem entre a capital alagoana e o Litoral Norte, quem também ganha são as empresas de transporte turísticos e receptivos, que promovem o transporte de passageiros entre os destinos turísticos no Estado. Alejandro Velasquez, diretor da Luck Receptivo Maceió, uma das maiores do segmento no estado, conta que com esses investimentos a demanda de turistas irá aumentar.

“Certamente haverá um fluxo muito maior de turistas que chegam por Maceió com destino às cidades turísticas do litoral Norte, onde existem importantes hotéis, resorts e pousadas. Não só daquelas que tem como destino final a região, como também do volume de visitantes que fazem os passeios tidos como “bate e volta”, tornando menor o tempo de viagem e maior o de visita às praias da região”, ressalta Alejandro Velasquez.

Deixe uma resposta