Alagoas quer promover cultura brasileira na Itália

Por: Camila Oliveira

 

O presidente do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), Vicente Neto, encontrou o presidente da Municipal de Ação Cultural (FMAC), de Maceió, Vinicius Palmeira, para prospectar as potencialidades turísticas da capital alagoana. Na reunião, foram discutidas possibilidades de novas ações em parceria com o instituto para inserir o estado cada vez mais na rota internacional.

 

“Vinícius trouxe-nos uma proposta da participação do Brasil no festival Luminara di Santa Croce, que acontece na cidade de Lucca, na Itália, em setembro desse ano. Podemos trabalhar ainda mais os atrativos culturais e naturais da cidade de Maceió”, disse Neto.

 

De acordo com o presidente da Embratur, a existência do EBT (Escritório Brasileiro de Turismo) na Itália, que atua para promover o Brasil naquele país, é um facilitador para a realização de ações mais específicas. “Podemos acompanhar as iniciativas mais de perto e fazer as devidas análises de mercado”, disse.

 

“A nossa participação nesse festival é muito importante para promover a cultura brasileira, especialmente à de Maceió. Atraindo a atenção não só para o turismo na cidade, mas também para atividade econômica. Uma grande aproximação e abertura de mercado da capital alagoana para a Europa”, declarou o presidente da FMAC.

 

“Comprometemo-nos a estudar todos os mecanismos de apoio a essa importante iniciativa de irmandade com a cidade italiana no sentido de buscarmos não só ações de relação pública, mas também ações de divulgação da cultura brasileira e incentivo ao turismo no nosso país”, completou Vicente Neto.

 

CO

Deixe uma resposta