Alagoas prospecta retorno de voos da Europa em janeiro de 2020

A novidade é resultado do trabalho em conjunto de Alagoas com a Embratur que, ao longo deste semestre, irá promover as reformas necessárias

0
Rafael Brito, secretário de Turismo de Alagoas

Alagoas deve passar a contar com o retorno de frequências internacionais da Europa, a partir de janeiro de 2020. O aeroporto de Zumbi dos Palmares, em Maceió, deve receber um upgrade de classificação pela Anac e poderá receber aeronaves maiores, viabilizando as rotas.

A novidade é resultado do trabalho em conjunto da Secretaria Municipal de Turismo, Esporte e Lazer (Semtel) de Maceió e do Governo do Estado com a Embratur que, ao longo deste semestre, irá viabilizar as reformas necessárias nas áreas do entorno do terminal, como a remoção de obstruções próximas da pista, para que hajam a mudança de classificação de C para D, que permitirá a operação de aviões como o A320.

Atualmente, o aeroporto da capital de Alagoas conta com uma frequência direta internacional operada pela Gol com destino a Buenos Aires e, durante a alta temporada, recebe voos fretados vindos de Lisboa operados pela Hi Fly.

A mudança de panorama começou com a privatização do terminal para a empresa espanhola, Aena, no primeiro semestre deste ano, após um investimento de R$ 1,9 bilhão na compra de um bloco de aeroportos nordestinos, e está em conversas com a Semtel de Maceió e a Setur-AL.

Jair Galvão, secretário de Turismo de Maceió, destacou que Alagoas deve voltar a receber as frequências da Europa (Foto - Divulgação)
Jair Galvão, secretário de Turismo de Maceió

Segundo Jair Galvão, secretário de turismo de Maceió, o terminal possui estrutura necessária para comportar o aumento no número de viajantes e adiantou, em entrevista exclusiva ao Brasilturis, que está avançando as conversar com a TAP, de olho em um crescimento de dois dígitos no fluxo de europeus.

 


O Aeroporto Zumbi dos Palmares, em Maceió, recebe cerca de 2 milhões de passageiros ao ano (Foto - Semtur)
O Aeroporto Zumbi dos Palmares, em Maceió, recebe cerca de 2 milhões de passageiros ao ano (Foto – Semtur)

“Recentemente, o aeroporto de Maceió foi votado como o melhor do Nordeste e hoje opera com metade da capacidade, recebendo cerca de dois milhões de viajantes, mesmo contando com a estrutura para ter o dobro”, apontou.


LEIA MAIS

+ Experiência Braztoa 2019 disponibiliza caravana para Sergipe e Alagoas
+ Alagoas propõe reduzir ICMS de aviação para incrementar malha aérea
+ Schultz confirma 12ª Convenção de Vendas em Alagoas


“Estamos há dois anos tempo em conversas com a TAP para retomar as operações entre Alagoas e Portugal, que haviam sido interrompidas em decorrência da flutuação cambial, o encarecimento do produto e o fortalecimento do produto nacional como consequência”, destacou o secretário.

“Hoje, com a melhoria do turismo local e os avanços alcançados, conseguimos competir com o Caribe e outros destinos nacionais”, afirmou Galvão.

Alagoas: vizinhos mais próximos

Apesar do foco das operações internacionais na Europa, Alagoas, especialmente Maceió, conta com a maior parte dos do fluxo de viajantes internacionais provenientes de países da América do Sul, com destaque para os argentinos.

“Nos últimos três anos, notamos que o fluxo de viajantes da América do Sul cresceu em 100%. Apesar de 85% dos turistas de Maceió virem de destinos do Brasil, estamos notando essa alta que deve se acentuar com a chegada dos voos”, destacou Jair Galvão.


Leia Também:

Delta terá sete voos diários ligando os EUA a Tóquio (Japão) em 2020
Gol inicia operações para Passo Fundo (RS) com cerimônia especial
Latam oferece passagens promocionais para o Dia dos Pais

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here