Alexandre de Juniac anuncia saída da Iata a partir de março de 2021

A Iata anunciou que Alexandre de Juniac deixará o cargo de diretor-geral e CEO da associação a partir de 31 de março de 2021

iata alexandre juniac

Na última terça-feira (24), Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata) anunciou que Alexandre de Juniac deixará o cargo de diretor-geral e CEO da associação a partir de 31 de março de 2021. Willie Walsh, ex-CEO do International Airlines Group (IAG) foi indicado ao cargo pelo Conselho Diretivo da IATA na 76ª Assembleia Geral Anual da IATA, com intenção de posse a partir 1 de abril de 2021.

“Não foi fácil tomar essa decisão. Tem sido um privilégio servir ao setor global de transporte aéreo – que chamo de negócio da liberdade – como diretor-geral da Iata. Nos últimos anos, a Iata aumentou estrategicamente sua relevância como a voz da indústria global. Isso ficou evidente na crise da covid-19. A Iata estabeleceu o caminho de retomada da conectividade aérea em meio à pandemia, com testes sistemáticos antes do embarque. Estamos nos preparando para atender às necessidades críticas de distribuição da vacina para covid-19. Em paralelo, reestruturamos a Iata para sobreviver à crise e estar preparada para apoiar a recuperação do setor com uma organização redimensionada para atender à nova realidade. Além disso, nossa equipe é motivada e determinada. Os alicerces para a recuperação do setor estão prontos. Agora é o momento certo para transferir a liderança da Iata para este longo processo de recuperação”, disse de Juniac.

Deixe uma resposta