Alexandre Sampaio: “Somos a favor de não mexer no Sistema S”

O profissional destacou, durante palestra realizada no Conotel em Goiás, que há necessidade de desmitificar a imagem do sistema S em âmbito profissional

0
Alexandre Sampaio, presidente da FBHA, defendeu o retorno do Salão de Turismo do Rio de Janeiro
Alexandre Sampaio, presidente da FBHA, defendeu o retorno do Salão de Turismo do Rio de Janeiro

Goiânia/GO – Na tarde desta quinta-feira (9), Alexandre Sampaio, presidente da FBHA e presidente do Conselho de Turismo da CNC, ministrou uma palestra no Congresso Nacional de Turismo (Conotel), que acontece no Centro de Convenções Goiânia, em Goiás, até a próxima sexta-feira (10). Intitulado “O Sistema S e a Hotelaria”, o profissional visou apresentar como essa aliança resulta em desenvolvimento dos colaboradores.

“Dizem que existe um certo lobby pra contrapor o Sistema S na formação gratuita que ele dá. No entanto, há uma correção, não dá formação gratuita superior, ele dá subsidiário. Não se justifica mexer no Sistema S. Esse anunciado 40% de corte já não é bem assim”, argumenta.


LEIA MAIS:
+ ABIH dá início ao 61º Conotel em Goiânia (GO) com líderes do mercado
+ Conotel 2019 divulga mais detalhes das palestras e seminários
+ Conotel/Equipotel Regional terá programação focada em inovações

Além disso, o executivo reforça que há governadores e prefeitos que tem o Sistema S como parceria e que tem prefeitura que não tem nada de ações sociais. “Nós temos orçamento para suprir e suprirmos em um caráter que o governo não dá, não só de informação profissional como em assistência social. É preciso desmitificar e fazer com que todos nós possamos pressionar nossos parlamentares para não passarem pela PEC. A perda não se justifica, não é um dinheiro público”, destaca.

Opinião sobre o Conotel

Já sobre o evento, Sampaio afirma se tratar de uma ação que cumpre um papel de regionalização e que permite a participação de hoteleiros regionais. Além disso, reconhece que o fato de Goiás sediar o evento é mérito das apostas governamentais no estado.

“Conforme o discurso de Ronaldo Caiado, grande parte do investimento foi feito na segurança. Ele cumpre um papel e trouxe qualidade, desenvolvendo segurança no agronegócio e tudo isso acaba sendo positivo. É um destino único, com caleidoscópio de produtos interessantes. É um belo estado e com muitos atrativos”, aponta.

Além disso, aproveitou para dar seu parecer sobre as próximas sedes do evento, que estão prevista para acontecer em Salvador e Gramado em 2020 e 2021, respectivamente, conforme anunciado nesta quinta-feira (9), após votação.

“Gramado é um ícone do turismo e conta com uma estrutura de turismo verticalizada. Tem uma hotelaria maravilhosa e disponível para todos os gostos. É uma boa escolha. Venceu do Maranhão, que ficou em segundo lugar, mas acredito que vai ter espaço mais a frente, assim como Salvador, que está se recuperando e espero que seja sediado um bom evento”, destaca.

Ainda durante conversa com o Brasilturis Jornal, o profissional abordou sobre o processo da regularização de jogos, incluindo cassino e bingo, visto como um viés alavancador do setor. “A ideia é fazer pressão para tentar avançar com este projeto e continuar trabalhando nas pautas tradicionais, como a Lei Geral do Turismo e a mudança na Embratur, além de outras questões como a deliberação das zonas de exportações turísticas”, finaliza.

Representante do Brasilturis Jornal viaja a convite da ABIH Nacional com seguro Affinity


LEIA TAMBÉM:
- Conotel promove roadshows de lançamento em Rio Branco, Curitiba e Salvador
- Conotel/Equipotel será lançado em Recife, Porto Alegre e Florianópolis
- ABIH Nacional inicia preparativos para o Conotel e Equipotel Regional 2019

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here