Alitalia espera transportar 500 mil brasileiros em 2018

0
Os executivos da Alitalia ressaltaram o compromisso com o mercado brasileiro

A Alitalia espera transportar 500 mil passageiros brasileiros neste ano. O mercado do Brasil é o 3º maior emissor de passageiros da italiana, atrás da Itália e Estados Unidos, correspondendo a cerca de 400 mil passageiros em 2017.

O aumento do fluxo esperado para este ano é resultado das investidas da Alitalia no mercado do Brasil, onde, recentemente, anunciou um acordo de codeshare com a Avianca, aumento o número de frequências em São Paulo e no Rio, além de introduzir aeronaves maiores no país.

Com isso, a Alitalia deverá crescer em 46% a oferta de assentos entre Brasil e Itália para a alta temporada de 2018/2019, em relação ao mesmo período de 2017.

O trade é peça fundamental para as vendas de passagens da Alitalia, sendo responsável por cerca de 70% dos ganhos da companhia que buscará mais parcerias nas esferas pública e privada.

“Buscamos cada vez mais investir no mercado brasileiro e estamos atentos as possibilidades de divulgação de destinos italianos, junto aos governos locais das grandes cidades do Brasil e alinhando cada vez mais nossa oferta aérea com o trade”, apontou o CCO da Alitalia, Fábio Maria Lazzerini.

“Depois de um período de seis anos seguidos de quedas, alcançamos um semestre inteiro consecutivo de altar. Deixamos de ser a companhia aérea que queima dinheiro para nos tornarmos uma empresa que gera renda”, exaltou o executivo.

Codeshare Avianca

No final do mês passado, a Alitalia firmou a parceria de codeshare com a Avianca. Desde então, os italianos estão se beneficiando de compras de clientes em conexão para a Europa em mais de 21 destinos operados pela brasileira.

“No momento, a melhor forma que encontramos de expandir cada vez mais no mercado brasileiro foi através da Avianca. Procuramos uma parceria com uma aérea que abrangência nacional para estarmos em cada vez mais lugares do Brasil”, destacou Fábio Lazzerini.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here