Amazonas registra crescimento de 27% em virtude dos cruzeiros

Por: Carolina Maia

A chegada do transatlântico alemão Ms Bremen, no Porto de Manaus, área central de Manaus, na manhã da última sexta-feira, dia 27, marcou o final da temporada de cruzeiros (2011-2012) no Amazonas. Totalizando 24 navios e uma movimentação de cerca de 25.136 turistas estrangeiros e brasileiros, esta temporada, com duração de outubro de 2011 a abril de 2012, superou em 27% a temporada passada (2010-1011), que trouxe 19.798 turistas para o Estado.

O navio Bremen, oriundo de uma expedição da Alemanha, trouxe uma das menores parcelas de passageiros dessa temporada, com 240 visitantes, segundo o operador de turismo, Daniel Barreto. Apesar do número de turistas considerado pequeno e do pouco tempo de visita, se comparado ao primeiro cruzeiro da temporada, que no dia 22 de outubro de 2011 atracou no Porto de Manaus com 1.190 estrangeiros por quatro dias, Barreto acrescentou que, por outro lado, o Bremen é classificado como compacto e de alto padrão. “Cada passageiro do Bremen pagou em média R$ 25 mil pelo cruzeiro. A maioria é empresário ou aposentado. Cada um deixará em média R$ 560, valor gasto com alimentação, artesanato e passeios turísticos”, disse.

Conforme o levantamento da Empresa Estadual de Turismo (Amazonastur), com a chegada do navio alemão, a temporada totalizou uma injeção de cerca de R$ 15 milhões na economia do Amazonas, volume 15% maior o volume injetado na temporada passada, que foi da ordem de R$ 13 milhões.

Para a próxima temporada que inicia em outubro deste ano, a Amazonastur, através de informações obtidas pro meio do Seatrade Miami, maior evento do setor de cruzeiros do mundo, informou que a expectativa é o Amazonas receba pelo menos 29 cruzeiros nacionais e internacionais.

O avanço gradual reflete, segundo a presidente do órgão, Oreni Braga, na participação do Governo do Amazonas em feiras e eventos internacionais de turismos.

CM

Deixe uma resposta