Amparo descobre vocação para o turismo diferenciado

0

Na tarde de 17 de outubro, a empresa Usina do Conhecimento promoveu reuniões de apresentação final dos trabalhos realizados em atendimento ao objeto da licitação Carta Convite nº 017/17, Processo nº 4390/17, Instrução de Serviço nº 001/17 e Instrumento Contratual nº 172/2017, visando a Atualização do Inventário Turístico e a confecção do Mapa de Oportunidades Turísticas da Cidade de Amparo.

A primeira aconteceu no Paço Municipal “Carlos Piffer” exclusiva para o Prefeito Luiz Oscar Vitale Jacob e parte do seu Secretariado. A segunda reunião, aberta ao público, aconteceu as 19h no auditório da Rádio Cultura Municipal.

Em ambas as ocasiões a professora Laura Santi, Consultora Sênior da Usina do Conhecimento, coordenadora do Projeto Amparo, apresentou o planejamento concebido para a execução dos trabalhos, as etapas rigorosamente concluídas nos prazos combinados e fez o destaque das principais informações coletadas: o histórico evolutivo do município e como isso impacta hoje a oferta turística da cidade; a qualidade de vida que a cidade proporciona aos seus munícipes e como isso pode ser mantido e estendido com a atividade turística; como está o fluxo turístico da cidade e a estimativa do número de turistas que a Amparo teria recebido no último ano.

Comentou ainda sobre a qualidade dos serviços de hospedagem, de alimentos e bebidas, agenciamento de viagens e passeios, dos equipamentos disponíveis e como eles são usados na organização de eventos, dos atrativos turísticos que a cidade já oferece e como eles podem ser aprimorados.

Com essa avaliação, pôde caracterizar as principais tipologias turísticas que a cidade já desenvolve e quais potenciais poderia vir a exercer com um trabalho bem planejado e focado em públicos de interesse. Arrematando que Amparo não deve buscar um turismo massificado, proporcionado em grupos, e sim de forma individualizada, atendendo a famílias e perfis bem definidos, mantendo sob suas rédeas o processo de crescimento com a manutenção da qualidade de vida. Sendo certo que o turismo deve ser agregado em Amparo e não obrigar a cidade a se transformar para ser turística, o que ela já é.

Um exemplar impresso do Inventário Turístico da Cidade, assim como em arquivo eletrônico, será entregue ao Prefeito na próxima semana, provavelmente na segunda-feira, data inicialmente combinada, a depender das agendas.

Quanto à confecção do Mapa de Oportunidades Turísticas da cidade, a apresentação destacou as linhas mestras e os pressupostos que permitiram a sua construção por um grupo sobejo de especialistas colaboradores desse projeto.

O conteúdo, considerado estratégico, será avaliado pela Gestão Pública e pelo Conselho Municipal de Turismo e poderá ser utilizado na concepção do Plano Diretor Municipal de Turismo, que deverá se basear também no Estudo mais aprofundado da demanda turística da cidade. Aliás, os dois documentos que ainda faltam para que a cidade cumpra os ditames da Lei 1261/2015, para que Amparo mantenha o título de Estância Turística.

Como destaque final, a professora Laura Santi enfatizou a necessidade de que a cidade e a gestão pública comungassem de um mesmo conceito sobre a atividade turística e como ela pode ser mais bem desenvolvida na cidade, sem perder de vista a manutenção da qualidade de vida do município, se possível aumentando-a, fazendo com que o turismo seja visto como mais uma força econômica e social que Amparo pode dispor para a continuidade da sua evolução como comunidade e força regional.

Essa apresentação dos resultados finais do trabalho também será feita ao Conselho Municipal de Turismo – COMTUR, na reunião desta quinta-feira, dia 19 de outubro, às 16 horas, na sala 4 do Paço Municipal.

Para o Prefeito Municipal Luiz Oscar Vitale Jacob o Projeto Amparo “é audacioso e, quando implementado, há de proporcionar grande desenvolvimento turístico, atraindo empreendedores e turístas, gerando emprego, renda, espaços de lazer e qualidade de vida aos nossos munícipes. Isso tudo – completou o o Prefeito Jacob – vai dar destaque nacional e, quiçá, internacional ao município de Amparo, eis que o nosso, será um turismo diferenciado”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here