Anac: número de viajantes estrangeiros aumenta 99% em Fortaleza

De acordo com a Anac, 129,4 mil visitantes internacionais pegaram voos diretos para o destino

0
Anac
O aumento, segundo a Agência Nacional de Aviação Civíl (Anac), foi maior em São Paulo

O Aeroporto de Fortaleza recebeu 99% mais estrangeiros no primeiro semestre deste ano, segundo a Agência Nacional de Aviação Civíl (Anac). Em comparação ao mesmo período em 2018, foram 129,4 mil visitantes internacionais em voos diretos.

O número fez do Ceará o estado com maior aumento na quantidade de passageiros estrangeiros. Atrás está Pernambuco, com 118,9 mil, além de Bahia em terceiro, recebendo 115 mil.


LEIA MAISAnac recebe pedido de entrada de nova low cost do Chile; conheça
+ Anac divide slots de Congonhas entre Azul, Map e Passaredo
+ Anac: aéreas nacionais transportam recorde de viajantes para o exterior

Diferente do Ceará, os dois estados tiveram queda no número de visitantes internacionais, frente ao primeiro semestre de 2018. A Secretaria de Turismo do Ceará (Setur-CE) explica que, para agosto e novembro, a expectativa é que 156,4 mil turistas de fora do Páis cheguem ao estado. O número é 12% maior se comparado ao mesmo período do ano passado.

No ranking nacional da Anac, o Ceará só fica atrás dos estados de São Paulo (3,8 milhões de passageiros, com crescimento de 4%) e do Rio de Janeiro (1,1 milhão de passageiros, com queda de 1,3%).Na quarta colocação, aparece o Rio Grande do Sul, com 126,6 mil estrangeiros, seguido por Pernambuco e Bahia. Os

“Desde que iniciaram-se novos voos, estamos em crescente evolução no número de visitantes estrangeiros. Além disso, temos mais três novos voos previstos, dois para este ano e um para 2020, vindos de Madri”, diz Arialdo Pinho, titular da Setur. O executivo afirma ainda que o estado está ainda negociando com outras companhias.


Leia Também:

Alitalia tem alta no mercado corporativo em julho
Gol anuncia incremento de voos no Rio Grande do Norte nesta quarta (4)
Jetsmart recebe aprovação para atuar no mercado brasileiro

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here