Armindo Dias lança biografia

Armindo Dias: “Os riscos sempre existem, mas quando se trabalha com objetivos claros, as chances de vencer são muito grandes”

 

Armindo Dias, presidente do grupo Arcel, tem a sua biografia finalmente registrada. Intitulada “Armindo Dias – uma vida de dedicação a Deus, à família e ao trabalho” o livro revela a história de sucesso do imigrante português – cuja holding detém o Royal Palm Hotels & Resorts, a concessionária de veículos Grupo Tempo, a agência MKT Contemporâneo e diversos empreendimentos imobiliários.

O livro permite que as pessoas possam conhecer a história do jovem que, em 1956, abriu mão do trabalho na lavoura no pequeno pedaço de terra da família no interior de Portugal, em nome da vontade de prosperar em outro país. Conseguiu US$ 250 emprestados para comprar uma passagem de navio rumo ao porto de Santos.

Dias iniciou sua trajetória no Brasil com uma representação de produtos alimentícios na Bahia, onde dormia até no carro para economizar dinheiro. De trabalho em trabalho, de recurso em recurso, ele vislumbrou a possibilidade de fixar-se no interior paulista, onde acreditava estar um celeiro de oportunidades. Em 1964, escolheu Campinas para fixar residência e fazer a vida, abrindo a Doces Campineira. Três décadas mais tarde, em 1992, a companhia tornou-se líder nacional do segmento com a marca Triunfo, gerando 2,4 mil empregos diretos. 

“Quando comprei a fábrica, a produção era de 10 toneladas de biscoitos por dia. No início dos anos 90, saíam dos fornos 300 toneladas  de biscoitos diariamente, o que nos levou à primeira colocação do setor”, lembra o empresário. Em 1997, aos 65 anos, Armindo Dias decide vender a Triunfo.

Abrir mão de um case de sucesso foi só o pontapé inicial para um novo desafio – o investimento no segmento de serviços, com a compra do Royal Palm Plaza; e no varejo, com a aquisição da concessionária de veículos Tempo. Nasce, então, a holding Arcel S.A. Empreendimentos e Participações, que traduz no nome, fruto da junção de Armindo e Célia, o seu comprometimento com o trabalho e a família.

Do alto de mais de oito décadas de experiência de vida, o senhor Armindo, como é chamado, relata com orgulho que não existe idade para começar ou recomeçar um negócio. “É tudo uma questão de querer vencer na vida. A idade não influencia”, aconselha. Para ele, o empreendedor é um homem que acredita no que faz. “Os riscos sempre existem, mas quando se trabalha com objetivos claros, as chances de vencer são muito grandes”, ensina. 

Armindo Dias cultiva uma importante teoria e a compartilha com as pessoas: “Sejam coqueiros, e não grama”. Lendo a biografia do empresário, será possível descobrir o verdadeiro sentido da frase – engana-se quem imaginou que a grande vantagem de ser coqueiro é poder usufruir da sombra que dele se projeta.

Para apresentar essa obra a imprensa, e ao público, a família Dias reuniu mais de 400 convidados no Restaurante Terraço, no Royal Palm Plaza, em Campinas. O evento contou com a elite da sociedade de Campinas, além de políticos e muitos empresários de diversos setores industriais do interior do estado de São Paulo.

 

JA

Deixe uma resposta