Associações hoteleiras garantem novos direitos em acordo com Procon

O Procon-SP deixa claro que novas medidas foram tomadas para que haja um equilíbrio entre os direitos do cliente e dos empreendimentos

Ricardo Roman Jr. (ABIH-SP), Orlando de Souza (FOHB), Sérgio Souza (Resorts Brasil) e Simone Scorsato (BLTA)

Nesta terça-feira (31), foi realizado um acordo entre as associações de hotelaria e o Procon-SP. Órgão foi notificado, também nesta terça-feira, pelas associações, com uma carta aberta, que deixava claro o apoio quanto às iniciativas necessárias para reembolsos, cancelamentos e remarcações, mas deixava claro que algumas condições eram necessárias.

Com o novo acordo, ao invés do hotel devolver o dinheiro ao cliente, ele vai preservar o direito de hospedagem para a primeiro oportunidade que for possível, passada essa pandemia da Covid-19, conforme declara Fernando Capez, diretor executivo do Procon-SP.

“É muito importante esse acordo, porque o hotel pretendia não devolver, nem reagendar. Nós teríamos que judicializar, e quando você judicializa, justiça você não sabe nem quando, nem como vai decidir. Esse acordo entendemos que dentro da harmonia das relações de consumo e dentro das relações que ocorrem, foi o melhor caminho”, pontua o diretor em vídeo divulgado esta tarde.

Ricardo Roman Jr, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de São Paulo (ABIH-SP), agradeceu ao apoio de Vinicius Lummertz, secretário de Turismo de São Paulo, na intermediação do acordo com o Procon-SP. Orlando de Souza, presidente do Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil (FOHB), deixa claro que a palavra empatia foi o norte do acordo entre as associações e o Procon-SP.

Simone Scorsato, diretora executiva da Brazilian Luxury Travel Association (BLTA), declara que o Turismo foi o primeiro setor fortemente impactado com a Covid-19 e espera que o quanto antes haja o retorno das operações. Por fim, Sérgio Souza, presidente da Resorts Brasil, declara que com as novas regras definidas irão auxiliar tanto garantia dos direitos dos clientes quanto na sobrevivência dos empreendimentos.

Confira abaixo vídeo sobre o novo acordo, com relatos dos líderes das associações e do apoio do Procon-SP e da Secretaria de Turismo de São Paulo!


Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui