Austin (EUA) tem atrativos para todos os tipos de turistas

Por: Carolina Maia

A capital do Texas, a cidade de Austin, é a nova casa da Fórmula 1 nos Estados Unidos. Desde o fim do ano passado, quando foi anunciada a construção de seu centro de automobilismo, o Circuito das Américas, a cidade está ansiosa para receber o esporte mais assistido pela TV no mundo e para levar a cultura texana ao cenário mundial da velocidade.

Com capacidade para 120 mil pessoas, o complexo automobilístico de Austin poderá abrigar os fãs das ultrapassagens, além de ter estrutura para sediar encontros e reuniões de empresas, shows de grandes artistas e eventos em parceria com universidades da região.

Cada vez mais conhecida entre os brasileiros, a capital do Estado do Texas é sempre citada nos rankings de famosas publicações. Nomeada não somente como “Capital Mundial da Música ao Vivo”, Austin também foi considerada a melhor cidade dos Estados Unidos em 2010 e para a próxima década, segundo o site Kiplinger, por conta das oportunidades de negócios, das empresas de tecnologia e da boa música. Já pelo Sports Business Journal, é reconhecida como umas das 10 cidades mais ligadas ao esporte no território norte-americano.

Austin terá a oportunidade de levar a essência texana ao mundo com a transmissão do Grande Prêmio dos Estados Unidos de Fórmula 1. O impacto, segundo previsões da Organização da Fórmula 1, é de 600 milhões de espectadores em aproxidamente 190 países.

O complexo fará muito mais do que apenas sediar uma corrida. Foram construídos um centro de conferência capaz de receber 500 pessoas; um salão de primeira classe que suportará até 1 mil pessoas; 14 salas de reunião com capacidade para até 60 pessoas cada; e um centro médico. No futuro, os investidores planejam a instalação de uma academia de treinamento automotivo; uma escola de motocicletas de Kevin Schwantz, ex-motociclista norte-americano campeão do mundo; um espaço para shows de artistas de renome; e uma pista de kart.

CM

Deixe uma resposta