Avianca Holdings define termos de empréstimo com United e Kingsland

Contudo, ação da Avianca Holding precisa passar por etapas complementares; valor chega a US$ 250 milhões
Avianca Holdings
(Foto: Divulgação)

A Avianca Holdings acordou, nesta segunda-feira (7), detalhes finais de seu empréstimo com United Airlines e Kingsland Holdings. A quantia de US$ 250 milhões será financiada por quatro anos pelas duas companhias aéreas, com taxa de juros de 3%.

Os juros do acordo serão capitalizados até o vencimento do crédito e, além disso, o financiamento pode ser convertido em ações a critério da Avianca Holdings. Neste caso, o preço deve ser equivalente a R$ 4.637 dólares. Agora, o foco da companhia aérea é formalizar processos e documentos, o que deve ser finalizado ainda neste mês.


LEIA MAISAvianca Holdings voará de Bogotá para Assunção e MontevidéuAvianca lança promoções para classe executiva em roteiros internacionaisAvianca Holdings recebe financiamento de US$ 50 milhões

As burocracias pendentes incluem acordo com credores e fornecedores da Avianca, além da troca de títulos de 2020 por US$ 550 milhões. De acordo com Adrián Neuhauser, CFO da Avianca Holdings, essa etapa é de suma importância. “O acordo é crucial na execução financeira do nosso plano Avianca 2021. Além disso, o êxito que alcançamos na oferta de troca de nossos títulos também é peça-chave”, diz.

“A Avianca avança rapidamente na formalização das negociações com seus credores e no cumprimento das condições para o fechamento da troca de títulos e do empréstimo no menor tempo possível”, afirma, em nota, a companhia aérea.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui