Azul teve 1,2 mil voos extras e alta em todos os índices para julho

0

A Azul teve muito a comemorar na alta temporada de julho. Durante o período, 1,2 mil voos extras foram adicionados à malha aérea, 10 novas rotas foram criadas, o tráfego de passageiros consolidado (RPKs) aumentou 22,6% e a capacidade (ASKs) subiu 21,2%, em relação a julho de 2017.

Ao todo, foram realizadas aproximadamente  24 mil operações, movimentando mais de dois milhões de Clientes pelo Brasil e exterior.

Como resultado, a taxa de ocupação foi de 85,4%, um aumento de um ponto percentual comparado com o mesmo período do ano passado. A taxa de ocupação doméstica totalizou 83,5% e a internacional foi de 91%.

“Julho foi um mês de forte tráfego para a Azul, o que mostra um saudável ambiente de demanda no país, e o sucesso da nossa estratégia de transformação da frota”, disse John Rodgerson, CEO da Azul.

Confira o comparativo entre os meses de julho de 2017 e 2018:

2º trimestre da Azul

A companhia aérea também registrou alta para todo o segundo trimestre de 2018, obtendo O lucro líquido ajustado para itens não recorrentes de R$238,3 milhões, comparado com um prejuízo líquido de R$38,6 milhões no 2T17.
O resultado operacional ajustado foi de R$75,8 milhões, com margem de 3,7%, comparado com R$98,8 milhões e margem de 5,8% no 2T17.

Confira na tabela:

Pontualidade

Mesmo com o acréscimo de voos à malha e com as tradicionais mudanças meteorológicas nesse período, a Azul conseguiu manter sua liderança na pontualidade.

No acumulado do ano, a companhia continua a ser a aérea mais pontual do Brasil, com uma taxa de pontualidade de 86,39%, de acordo com a FlightStats.

Confira mais notícias de aviação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here