Azul anuncia saída da Abear e representará seus interesses de maneira direta

Em comunicado oficial, a aérea reconheceu as contribuições da associação ao setor, mas que, agora, prefere representar seus interesses de forma direta
Azul
Azul atenderá também aos destinos que não fazem parte de sua malha aérea tradicional

A Azul anunciou ontem (1) a saída da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear). Em comunicado oficial, a aérea reconheceu as contribuições da associação ao setor, mas que, agora, prefere representar seus interesses de forma direta.

“Já somos um grupo com mais de 12 mil pessoas, temos o maior número de destinos e voos diários no país e temos um caminho de muito crescimento pela frente. Por isso, entendemos que nosso diálogo com a sociedade civil, autoridades, órgãos competentes e demais stakeholders deve ser feito diretamente pela companhia”, afirmou o presidente da companhia, John Rodgerson, em nota.


LEIA MAIS:
+ Azul lança versão teste de novo app e clientes poderão dar sugestões
+ Azul anuncia que irá operar voos em Guarujá e Araraquara; confira
+ Azul lança nova campanha reforçando seu DNA brasileiro; confira

Em comunicado, a Abear também se posicionou e agradeceu a Azul. Pois, a companhia é “uma de suas fundadoras em 2012 e que agora anuncia sua saída, por ajudar no crescimento e consolidação da entidade no período em que a aviação comercial brasileira avançou como meio de transporte de massa conectando o país e promovendo o seu desenvolvimento social e econômico”.

O Brasilturis entrou em contato tanto com a Azul Linhas Aéreas quanto com a Abear, para mais esclarecimentos, porém ambas afirmaram que, no momento, não emitiram mais informações para além do emitido no comunicado oficial.


Leia também:
Abear e Setur-SP fazem parceria para promover São Paulo
Abear: demanda aérea doméstica abre 2019 com alta de 3,31%

Deixe uma resposta