Bahia é o primeiro estado da América Latina a sediar o Salon du Chocolat

Por: Camila Oliveira

 

Após o 4º Festival Internacional do Chocolate, realizado no último final de semana na cidade de Ilhéus (BA), o estado será sede de um dos maiores eventos de chocolate, o Salon Du Chocolat, amanhã, dia 6 e dia 7, das 10 às 22 horas, e no dia 8, das 10 às 19 horas, no Centro de Convenções da Bahia.

 

Para a realização da 18ª edição do evento que teve origem na França e já passou por metrópoles como Paris, Nova York, Tóquio, Xangai, Bolonha e Zurique, Salvador foi a cidade escolhida para a estreia do evento na América Latina.

 

Promovido pela Event International, Amma Chocolate, Instituto Cabruca e Associação dos Produtores de Cacau (APC), com o apoio da Bahiatursa e Secretaria do Turismo, o Salon irá reunir os principais chocolatiers nacionais e internacionais.

 

Além de shows, desfiles, palestras e demonstrações gastronômicas, a programação inclui ainda o 1º Fórum Internacional do Cacau e Chocolate, e uma visita técnica a fazendas de cacau em Ilhéus, no sul da Bahia, o que permite ao participante conhecer desde o cultivo do cacau e seleção das amêndoas até o produto final.

 

Promoção dos destinos turísticos

 

No evento, a Bahiatursa estará divulgando as belezas da Costa do Cacau, com o intuito de fomentar o turismo da região. “O governo do Estado investiu R$ 48 milhões na nova estrada Itacaré/Camamu (BA-001), com o objetivo de encurtar a distância entre Salvador e os municípios da Costa do Cacau (Itacaré e Canavieiras), além de proporcionar crescimento do turismo e o escoamento da produção. Ilhéus também é um dos principais portões de entrada para a Bahia, com aeroporto próprio”, disse o secretário de Turismo, Domingos Leonelli. 

 

Em até seis dias percorrendo a Rota do Chocolate, o turista também pode fazer visitas a terras indígenas e passeios de “chalana” pelos rios da região. A região de Ilhéus ainda oferece os roteiros Caminhos do Cacau I e II, lançados pela entidade em 2011, como forma de agregar valor à Costa do Cacau. A partir destes roteiros, é possível conhecer a história do fruto, responsável pela produção de 70% do cacau brasileiro, visitando fazendas de cultivo por dentro de todo o processo de coleta e preparo da semente.

 

CO

 

Deixe uma resposta