Bahiatursa investe em capacitação para promover o destino

Por: Priscila Ferraz

LISBOA – O voo direto de Lisboa para Salvador e a proximidade dos destinos anima a atração de turistas europeus para o Brasil. Durante a 26a BTL, o Brasilturis Jornal pôde conversar com o presidente da Bahiatursa, Fernando César Ferrero, sobre os planos de atração dos portugueses ao País e como se dará as vendas para esse público. O executivo apontou, primeiramente, o lado positivo de Lisboa ser parecido com Salvador. “Se formos à Lisboa antiga, poderemos compará-la com o Pelourinho. Então já temos uma ligação muito forte de raíz, o que já atrai os portugueses. Esse público é muito importante para nós, e esperamos sempre vê-lo crescer, desde a relação Lisboa – Salvador até o público geral de Portugal”, disse.

 

A programação da Bahiatursa para o evento, que acontece até o dia 16 deste mês, conta com uma agenda cheia. Ferrero contou que há muitas reuniões marcadas com operadores portugueses para que haja a possibilidade de viabilizar ações que elevem o fluxo de turistas para a Bahia. Os esforços serão voltados a agentes de viagens locais, para que participem de workshops e ações de público e, então, conheçam o destino. “Tornar as capacitações possíveis faz com que o destino seja mais vendido, pois a Bahia ficará presente na memória, e será mais oferecida ao público português”, considerou.

 

Segundo o presidente, a Bahia é o portão de entrada da TAP para o Brasil. Os voos diários comportam mais de 200 passageiros – é importante considerar que nem todos são portugueses. “165 mil portugueses vão ao Brasil por ano. Já foram 380 mil, quase 400 mil. Devido à crise o número baixou, mas a tendencia é que volte esse fluxo para o Brasil e, consequentemente, para a Bahia, portanto, não deixaremos de investir”, garantiu.

 

 

Priscila Ferraz de Mello

Deixe uma resposta