Brasil é o 2º destino de sol e praia que mais chama a atenção dos americanos

Pesquisa encomendada pela Embratur mostra que campanha “Visit Brazil. A wow experience” posicionou o país entre as principais opções dos turistas americanos

Decolar
(Foto: Divulgação/Rio de Janeiro)

O Brasil é o segundo destino de sol e praia do mundo que mais desperta o interesse do cidadão norte-americano. A conclusão vem de uma pesquisa encomendada pela Embratur, logo após a veiculação da campanha publicitária “Visit Brazil. A wow experience”, que ocupou as ruas, TVs e Internet americanas entre os meses de maio e junho de 2022.

Entre os dois mil norte-americanos ouvidos pela pesquisa, 86% (oito em cada dez) dizem já ter realizado viagens para outros países e 89% afirmam pretender viajar internacionalmente. Quando o tema da viagem se refere a destinos de sol e praia, o México (17%) lidera a preferência dos entrevistados, com o Brasil na segunda posição (7%) entre os países estrangeiros – o próprio EUA é citado por 9%.

A pesquisa foi realizada com pessoas com idade a partir de 30 anos, das cidades de Washington, Nova York, Los Angeles, Dallas e Houston, praças em que a campanha da Embratur foi veiculada. A margem de erro no total da amostra é de 2,2 pontos percentuais, com intervalo de confiança de 95%.

“Nossa campanha teve o objetivo de promover o Brasil em um dos mercados mais importantes para o nosso turismo. Essa pesquisa comprova a assertividade das ações da Embratur e soma-se a outros dados importantes: só em Ota’s (Agências de Viagens Online) nossa campanha gerou acréscimo de US$ 3,7 milhões em viagens de norte-americanos ao Brasil ”, comemora o presidente da Embratur, Silvio Nascimento.

Outro dado importante sobre o entusiasmo dos norte-americanos com o Brasil é que 21% dos viajantes que afirmaram ter visitado o país nos últimos cinco anos, quase metade (48%) pretende voltar ainda no ano de 2022. A imagem que possuem do Brasil é positiva para 64% dos turistas e regular para 24%. Entre quem viu a campanha da Embratur sobre turismo no Brasil, a imagem positiva do país sobe para 85%, representando aumento de 21 pontos percentuais.

A campanha gerou, por exemplo, um acréscimo de US$ 3,7 milhões em viagens ao Brasil a partir dos Estados Unidos – dados computados apenas por meio de agências on-line. Além disso, foram mais de três milhões de visualizações dos vídeos da campanha nas redes sociais do Visit Brasil e 44 milhões de acessos ao site do Visit. A peça registrou, na TV, 24 milhões impactos – medição utilizada para indicar uma estimativa de quantas vezes as peças foram visualizadas pelo público. Em mídia exterior foram 24 milhões de impactos e mais 80 milhões no conteúdo na internet.


Leia também: Embratur, estados e munícipios traçam estratégias de promoção

Deixe uma resposta