Bruxelas inicia plano para conquistar mercado brasileiro

Anousjka Schmidt, e Pieter Callebaut (Visit Brussels)

Após dois anos sem pisar em solo brasileiro, o Visit Brussels – órgão de Turismo de Bruxelas – reuniu o trade paulista para um encontro nesta terça-feira (16). O evento foi realizado exatamente para divulgar um novo posicionamento do destino belga, que quer estabelecer uma relação mais forte com o mercado do Brasil.

O fim do intervalo de dois anos se explica com uma decisão política adotada pela Bélgica há cerca de três anos. O turismo do país foi dividido em três regiões: a flamenga, a da Valônia e a de Bruxelas-Capital. Antes dessa regionalização, Bruxelas não tinha permissão para contratar representações, ou estabelecer escritórios fora da Bélgica por si só. O turismo da capital belga era realizado apenas em conjunto ao das regiões de Flandres e Valônia.

A partir de 2017, quando a regionalização foi, de fato, aplicada, o Visit Brussels pôde procurar por representações fora da Bélgica. De início, a expansão de escritórios de Bruxelas ficou limitada a cidades europeias: Berlim, Milão, Barcelona, Londres, Amsterdã e Paris.

Equipe da Aviareps com os executivos do Visit Brussels e o Cônsul da Bélgica no Brasil

Já em janeiro de 2018, o órgão de turismo deu um passo maior e garantiu presença nos mercados dos Estados Unidos e dos países do BRIC (Brasil, Rússia, Índia e China). Nesses locais, o Visit Brussels trabalha por meio de consultores, já que é muito complicado abrir um escritório próprio logo de início. A Aviareps foi a empresa escolhida para representar Bruxelas em todos os países do BRIC.

“Nós temos cerca de 20 projetos em andamento, que propõem um planejamento estratégico e a melhor forma de trabalhar em cada um desses mercados”, explicou Anousjka Schmidt, gerente de Mercado Internacional do Visit Brussels. Em ordem de importância turística, a China ocupa o primeiro lugar e, depois, vem o Brasil.

Adversidades

De cara, Bruxelas encara algumas dificuldades para se estabelecer no Brasil. Primeiro, não há um voo direto que ligue os dois destinos. Depois, a capital Belga não é um local muito conhecido dos brasileiros.

“Estamos trabalhando e investindo para que exista um voo direto que conecte a ‘capital da Europa’ à ‘capital do Brasil’ – São Paulo. Mas, antes, temos que desfazer a ideia de que não há nada para se fazer em Bruxelas, desconstruir o imaginário de destino só de instituições políticas. Durante todo esse ano, nossos esforços estão voltados para consolidar Bruxelas como um destino conhecido, uma marca presente no Brasil”, detalhou Anousjka.

Outro desafio, segundo Pieter Callebaut, responsável pelo desenvolvimento de negócios em lazer, é unificar o trabalho realizado por várias instituições turísticas diferentes. “Só no Brasil, temos 3 órgão diferentes promovendo Bruxelas, o que é ótimo, mas também gera confusão. Queremos trabalhar junto delas para criar um discurso único e melhorar a mensagem que estamos passando”, comentou.

Potenciais

Belgian Beer Weekend
(Foto: Jean-Paul Remy/ Visit Brussels)

Para Anousjka Schmidt, o principal atrativo de Bruxelas que se encaixa com o perfil dos brasileiros é a gastronomia. A executiva citou as cervejas e os chocolates belgas para exemplificar aspectos interessantes da culinária local. Além disso, o Visit Brussels também vai focar na divulgação para o segmento de luxo, não só no Brasil, como em todos os outros países do BRIC.

“Acreditamos fortemente em dar ao viajantes o que ele procura. Estamos buscando adaptar nossos atrativos a cada especificidade de cada mercado. Além disso, estamos de olho na tendência de oferecer experiências inesquecíveis, algo que o turista procura muito hoje em dia”, detalhou Callebaut.

Novidades

Além de mais de 100 museus disponíveis para visitação, Bruxelas acrescentou um novo para a conta: o Museus de Arte Contemporânea da capital belga, já aberto ao público. Para 2019, a grande inauguração será o Palácio da Cerveja, localizado no antigo prédio da bolsa de valores de Bruxelas.

Para quem prefere as festas, não falta opção. A cidade conta com diversos festivais gastronômicos, eventos temáticos e muito mais. Todo o conteúdo do Visit Brussels está disponível em português no próprio site do órgão turístico.

Leia mais notícias sobre Destinos.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui