Buenos Aires aposta em eventos regionais para atrair turistas

O objetivo é tornar Buenos Aires mais do que uma porta de entrada e sim um destino para ser explorado por três ou quatro dias.

Lucas Delfino, presidente do Ente Visit Buenos Aires, e Maria Laura Pierini, coordenadora do Conselho Espanhol de Reativação Turística. Foto Caroline de Oliveira

Buenos Aires vem participando de diversas feiras de eventos para promover o turismo no país – principalmente Buenos Aires – e, com isso, ultrapassar os 3 milhões de turistas que receberam em 2019.

Para Lucas Delfino, presidente do Ente do Visit Buenos Aires, “os brasileiros são o principal mercado e nossa expectativa para a WTM é a retomada do turismo e recuperar a conectividade. Até agora já recuperamos 40% da conectividade que tivemos em 2019”.

Além de marcar presença nas feiras e promover campanhas, Lucas ressalta que estão investindo em eventos regionais fora dos bairros turísticos, a fim de oferecer experiências específicas para cada fim de semana, como feira do livro, gastronomia, etc.

Com atrações turísticas para todos os gostos e estilos, muitos prédios em Buenos Aires vem apostando em happy hour no terraço, de onde tem vista deslumbrante e panorâmica da cidade. O Teatro Colón, também conhecido como “Oficina Colón”, oferece interação entre adultos e crianças, possibilitando que todos possam olhar e tocar as principais obras, que são produzidas na oficina do teatro.

“Queremos que Buenos Aires seja mais que uma porta de entrada. Estamos promovendo atrações locais para o viajante ficar de três a quatro dias na capital antes de partir para o destino final”, finaliza Maria Laura Pierini, coordenadora do Conselho Espanhol de Reativação Turística.

Deixe uma resposta