Cadastur contabiliza cerca de 5,5 mil cadastros na Bahia

Dispor de registro no Cadastur é fundamental para que empresas do turismo se beneficiem por programas de auxílio para o setor

Cadastur - MTur
(Foto: Divulgação/Setur-BA)

Nesta quinta-feira (15), o Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur) anunciou que a Bahia possui 5.442 empresas e prestadores de serviços regularizados. Em 2020 foram feitos 2.411 registros, entre novos cadastros e renovações. Em 2021, já são 515 documentos.

“O número elevado de cadastros é um sinal de que as empresas estão respondendo aos nossos chamados para registrarem-se no Cadastur, pois só assim poderão dispor de medidas especiais oferecidas nesta época de crise, como acesso a linhas de crédito aprovadas pelo Fungetur, além da prorrogação de pagamentos de tributos e renegociação de dívidas”, afirma Fausto Franco, secretário estadual de Turismo.

A regularização permite as empresas que acessem benefícios proporcionados pelo sistema criado pelo Ministério do Turismo (MTur), como acesso a linha de créditos especiais para auxiliar os empreendedores impactados pela pandemia de covid-19.

Jessyana Cintra, coordenadora de Cadastro MTur/Setur na Bahia destaca que a alta de registros deve-se também “à sensibilização realizada pela equipe do Cadastur Bahia e das Câmaras Regionais de Turismo, que, através de e-mails e ligações, orientam os prestadores de serviço sobre a importância de formalizar seus cadastros no Ministério do Turismo”.

O registro garante que empresas e prestadores de serviço estejam dentro da legalidade, obtenham o Selo do Turismo Responsável e é uma das exigências para a inclusão e a permanência de um município no Mapa do Turismo Brasileiro. O Cadastur é o sistema de profissionais e empresas que integram a cadeia do Turismo, executado pelo Ministério do Turismo em parceria com os estados.

O aumento de adesões ao Cadastur por empresários da Chapada Diamantina foi um dos primeiros resultados positivos do projeto Hub Tele-Empreendedor, desde sua implantação, em dezembro de 2020, numa parceria entre a Secretaria de Turismo do Estado (Setur), a Escola de Administração da Ufba e outras instituições.

Dispor de registro no Cadastur é condição fundamental para que empresas do turismo possam ser beneficiadas pelas ações do Hub, criado para dar apoio aos empreendedores do setor impactados pela pandemia.

Deixe uma resposta