Circuito das Águas Paulista destaca nove roteiros diversificados

O destino oferece opções de ecoturismo, história, turismo rural, lazer e compras estão disponíveis no Circuito das Águas

circuito das águas

A apenas 130 Km da capital paulista, a chamada rota turística do Circuito das Águas (Cicap) oferece aos visitantes atividades de ecoturismo, gastronomia com referências de diversos países, conhecimento sobre arquitetura e história do Brasil, tratamentos de saúde, vivência sobre culturas diversas, turismo rural, compras e lazer.

Localizada na Serra da Mantiqueira Paulista, uma cadeia de montanhas de rara beleza, garantindo um clima ameno e paisagens que tranquilizam a alma e que propiciam aos visitantes cenários únicos dignos das mais belas fotos. O Circuito das Águas, composto por nove municípios, tem no total 1.630 Km² cercados pelas montanhas, com referência de excelência em seu parque hoteleiro, onde cada cidades traz características específicas, com a oferta de experiências únicas, atendendo expectativas diversas do turista que opta por conhecê-las.

Em Águas de Lindóia, denominada a capital termal do Brasil, com suas águas curativas, é destino desde o início do século passado para tratamentos de saúde em seu balneário, e teve no Hotel Glória, conservado e ainda em funcionamento, palco de grandes festas e local obrigatório de férias e fins de semana da alta sociedade paulista nas décadas de 30 a 50; oferta grande de parque hoteleiro de alta qualidade, a tranquilidade típica do interior, e gastronomia com influência mineira.

As cidades de Amparo e Jaquariúna são berços da história do Brasil, tendo a primeira destaque por ter sido a maior produtora de café do Brasil no período Imperial, sendo um museu arquitetônico a céu aberto, com imóveis em estilos neoclássico, gótico e art nouveau, além de casarões, igrejas e fazendas de café tombados pelo Codephat.

Jaguariúna se destaca pela importância na rota ferroviária da Companhia Mogyana, tendo sua estação sido inaugurada em 1875 por D. Pedro II, e oferece aos turistas a possibilidade de reviver um passeio em Maria Fumaça aos finais de semana e feriados e é sede de um dos mais importantes rodeios do país.

Visitar Holambra, fundada por imigrantes neerlandeses, destaque nacional na produção de flores e plantas ornamentais, palco da maior exposição de flores da América Latina, a Expoflora, é poder conhecer a cultura holandesa, através das construções locais, gastronomia e um moinho holandês, reprodução fidedigna dos utilizados nos campos do país.

Lindóia, considerada a “Capital Nacional da Água Mineral”, responsável por 40% da produção nacional de água mineral e Monte Alegre do Sul, guarda em suas áreas rurais alambiques artesanais e pequenos produtores. Quem busca aventura tem na cidade de Socorro destino certo, com opções de passeios de jeep, rafting, tendo ainda uma tirolesa com 1 Km. Destaque como cidade acessível, a cidade tem grande oferta hoteleira, gastronomia com forte influência italiana e montanhas que presenteiam os viajantes que buscam seus cumes, com cenas de pores do sol inesquecíveis.

Serra Negra, encravada em meio a Serra da Mantiqueira, conhecida pela tranquilidade e produção de malhas e produtos em couro, acolhe em seus hotéis de categoria ímpar as famílias que encontram na cidade diversas opções de lazer para todas as idades. O Circuito das Águas Paulista (Cicap) tem ainda para os que o visitam a cidade de Pedreira, a “Cidade das Porcelanas”, e uma das principais distribuidoras de peças em MDF. É um verdadeiro paraíso para compras.

A diversidade das ofertas dos roteiros oferecidos pelo Circuito das Águas Paulista (Cicap), a proximidade da capital, a excelência do parque hoteleiro, as múltiplas opções gastronômicas e, sobretudo, sua localização em meio a uma das mais bonitas serras brasileiras, a Serra da Mantiqueira Paulista faz desse circuito um dos mais completos do Estado de São Paulo.

Deixe uma resposta