Club Med fecha primeiro semestre com resultado positivo

Por: Camila Oliveira

 

O primeiro semestre de 2012 do Club Med no mundo (novembro de 2011 a abril de 2012) fechou com um crescimento de 4,6% em relação ao mesmo período do ano passado, atingindo a receita de 798 milhões de euros. O número de clientes hospedados nos villages mais sofisticados, 4 e 5 tridentes, aumentou em 7,6%, ou seja, 33 mil clientes. Esse resultado é o reflexo da estratégia de sofisticação de produto e serviços adotada pela rede francesa.

 

O primeiro semestre foi marcado pela abertura de Village Valmorel, o luxuoso resort de neve na França, que teve uma média taxa de ocupação de 85% durante os seis meses e um alto retorno de satisfação dos clientes.  Apesar da queda de 4,2% do mercado de turismo na França, segundo a Associação Francesa de Operadoras de Turismo, o volume de negócios do Club Med no país cresceu em 5,3% e o número de clientes franceses em Villages de 4 e 5 Tridentes teve um aumento de 10%.

 

O mesmo aconteceu em outros países europeus que também passam por uma retração no mercado de turismo: na Bélgica a empresa registrou um crescimento de 2% no número de cliente, enquanto o mercado belga declinou em 6,7%; o volume de negócios no Reino Unido aumentou 5% contra a queda do mercado de 7%; e na Alemanha, que teve uma expansão de apenas 9%,  as vendas Club Med cresceram em 19%

 

O número dos clientes  dos países em rápido desenvolvimento (China, Brasil, Rússia, Singapura, Coréia do Sul, Argentina, África do Sul, México e Turquia) cresceu em 10% e chegou a 129 mil. Só o mercado chinês cresceu 31%.

 

“O Club Méditerranée registrou, mais uma vez, um resultado positivo no primeiro semestre de 2012, apesar do movimento contrário do mercado europeu. O crescimento das vendas, do número de clientes e do nível de satisfação, especialmente nos Villages de 4 e 5 Tridentes, são fortes indicadores do sucesso da fórmula all inclusive sofisticada do Club Med. A conquista de market share em países maduros, como a França, a estratégia de expansão em países em rápido desenvolvimento e o cronograma de abertura de novos Villages em 2013 são as nossas vantagens  diante de um mercado europeu que enfrenta dificuldades ”, afirma o presidente e diretor-geral do Club Med, Henri Giscard d’Estaing.

 

A próxima temporada será marcada pela pré-abertura do segundo Village chinês, em Guilin, prevista para setembro. Ainda em 2012, o Club Med chega mais outro destino: Pragellato Via Lattea, na Itália, com a abertura de um novo Village de neve aos pés de umas das melhores pistas de esqui da Europa. Em 2013, a Turquia vai ganhar seu quarto Village em Belek, perto de Antalya.

 

CO

 

Deixe uma resposta