Miami traz comitiva ao Brasil para apresentar os diferenciais da cidade

0

A capital paulista recebeu hoje uma comitiva liderada pelo Greater Miami Convention & Visitors Bureau (GMCVB) que apresentou às principais operadoras locais os diferenciais de uma das cidades nos Estados Unidos que mais recebe turistas do Brasil. Em 2018, foram cerca de 462.000 brasileiros. “Essas reuniões anuais são muito produtivas para compartilharmos as novidades e ouvirmos as demandas dos empresários”, afirma Joe Docal, diretor de Vendas de Turismo para América Latina & Estados Unidos (Nordeste e Centro-Oeste) e Canadá.

A comitiva de Miami trouxe também representantes do Charles Group Hotels, do Dolphin Mall, do Pestana South Beach, do The Biltmore Hotel, The National South Beach e do South Beach Group. O evento contou ainda com a presença de representantes de companhias aéreas e de cruzeiros marítimos. Em termos de conteúdo, a apresentação mostrou que os atrativos da cidade vão além das compras. Miami tem clima agradável o ano inteiro, crescente cenário das artes, diversidade gastronômica e agitada vida noturna.

Eventos

Prato do BALEENkitchen, restaurante de Sunny Isles Beach que faz parte do Miami Spice

A cidade sedia constantemente eventos especiais, como o ‘Miami Spa Month’, realizado entre julho e agosto e, neste ano, conta com 46 spas. Entre agosto e setembro acontece o ‘Miami Spice’ para celebrar o melhor da gastronomia da região. São mais de 200 restaurantes que apresentam pratos com valores fixos de US$ 23 por pessoa para brunch e almoço; e US$ 39 por pessoa para o jantar, sem bebidas alcoólicas, impostos e gorjetas.

O começo de 2020 também promete ser muito animado! Em fevereiro, Miami será sede da 54º edição do Super Bowl durante o aniversário de 100 anos da NFL, Liga Nacional de Futebol Americano. Já em março, a cidade recebe o tradicional Ultra Music Festival, festival de música eletrônica que reúne pessoas do mundo inteiro.

Negócios

O recém-inaugurado Miami Beach Convention Center (MBCC), passou por uma renovação de R$ 625 milhões e teve a liberação para a construção de um novo hotel ligado ao espaço. O local já está com eventos confirmados pelos próximos meses até o final do ano. Além disso, o GMCVB está agendando convenções de negócios e estes movimentos vão ajudar a promover um forte impacto econômico local.

Artes

A quantidade de museus em Miami só aumenta com o passar dos anos. Dentre os mais novos, pode-se citar o Instituto Contemporâneo de Arte (ICA Miami) que fica no Distrito de Artes de Miami e tem entrada gratuita. Outra opção que passou por uma reforma recente é o The Bass, localizado em Miami Beach. Focado em arte contemporânea, ele funciona de quarta a domingo e a taxa de entrada custa US$ 10.

O recém-reformado Business Improvement District (BID), na Washington Avenue, passa a realizar toda quinta-feira do mês uma nova série de apresentações de arte e música ao vivo. Além disso, haverá uma grande degustação de cervejas e vinhos em 15 lugares diferentes, com sabores locais, nacionais e internacionais.

Compras e Shoppings

Paraíso das compras para os brasileiros, Miami sempre recebe novas lojas e espaços. O sofisticado Bal Harbour Shops obteve US$ 500 milhões para realizar uma expansão que deve adicionar mais de 27 mil metros quadrados. A expectativa é que a Barneys Nova York ocupe um espaço nessa nova área e que a Neiman Marcus aumente sua loja em quase 2 mil metros quadrados. As obras devem ficar prontas em 2025.

O Dadeland Mall, anunciou a construção de uma unidade do AC Hotel by Marriott. A propriedade vai contar com 177 quartos, em 7 sete andares, com piscina ao ar livre e lounge no segundo andar. A inauguração está prevista para 2020.

Hospedagem

São mais de 425 opções de hotéis em Miami. Além dos já tradicionais, The Biltmore Hotel, The National Hotel Miami Beach, Four Points by Sheraton Miami Beach, Lexington Hotel Miami Beach-Oceanfront, Best Western Atlantic Beach Resort, entre outros, a cidade sempre ganha novos hotéis.

Como é o caso do recém-inaugurado, hotel boutique Lennox Hotel Miami Beach, que fica localizado no edifício que abrigava o antigo Peter Miller Hotel. São quatro prédios interconectados por um pátio no estilo mediterrâneo que comportam os 119 quartos. Ou do Celino South Beach, mais uma opção que segue a arquitetura Art Déco, com 132 quartos, o hotel oferece uma piscina na cobertura com fundo de vidro e mais outra no piso térreo.

Porto

O PortMiami registrou um crescimento de 12,5% de passageiros em 2018, isso se deve ao fato de que muitos cruzeiros estão partindo da cidade. Mais de um em cada 10 visitantes viajando para Miami tinha como objetivo realizar uma viagem de navio.

Aeroporto Internacional

No último ano, o aeroporto passou a receber novas rotas provenientes de lugares como Brasília e Fortaleza, com a Gol Linhas Aéreas; Santa Marta, na Colômbia, com a VivaAir Colombia; e outras oito novas rotas da American Airlines. Além disso, com o encerramento dos voos diretos Rio de Janeiro para Nova York, Miami voltou a ser a escala para o destino na região norte.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here