Como é voar na maior e mais nova aeronave da Embraer?

0
Azul
John Rodgerson, presidente da Azul

Por João Tilki, especial para o Brasilturis

A Azul Linha Aéreas apresentou ontem (16) o primeiro Embraer E195-E2 em operação comercial no mundo. O voo especial decolou do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), pela manhã rumo à capital federal.

O anúncio do embarque foi feito pelo próprio John Rodgerson, presidente da Azul. Durante o trajeto, os passageiros puderam viver a experiência de voar na maior e mais nova aeronave de passageiros da Embraer, que já havia sido apresentada anteriormente na sede da empresa, em São José dos Campos (SP).

A moderna concepção da cabine, bem como o reduzido ruído, tanto na decolagem quanto em voo, foram motivo de elogios. Além de ser mais silenciosa, a aeronave desta nova geração é mais econômica – a promessa é de consumo 15% – e tem menor emissão de carbono. A Azul encomendou outras 51 aeronaves do tipo, mas informou que a reserva inicial pode ser ampliada em decisão futura.

Ao chegar ao destino, que já é a rota programada desta primeira aeronave, ela foi saudada recebendo o tradicional batismo com jatos d’água. A cerimônia de apresentação em Brasília (DF) foi recheada de elogios e agradecimentos face aos investimentos da Azul em mais rotas e aeronaves brasileiras, enfatizando a alta qualidade dos serviços e da tecnologia empregada, tendo como metas ampliar a malha aérea com mais aeronaves desta geração.

Rodgerson reforçou o foco em conectividade entre hubs que compõe a malha aérea da Azul no País e chamou atenção para o perfil do passageiro no Brasil. “O brasileiro voa pouco”, disse, ao comparar com o perfil de passageiros de outros países da América do Sul. Questionado sobre novas rotas internacionais ele, frisou: “Nosso foco é o Brasil, crescer no Brasil”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here