Covid-19: CNC prevê queda de R$ 738 milhões nas vendas da Páscoa

O volume representa retração de 31,6¨% no comercio nacional

covid-19 CNC
Foto: reprodução

Nesta segunda-feira (6), a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) anunciou a estimativa de queda de R$ 738 milhões nas vendas da Páscoa deste ano, devido ao impacto da Covid-19 (coronavírus).

“Os efeitos da pandemia de Covid-19 restringiram dramaticamente o fluxo de consumidores nas lojas. Há registro de quedas de 35% no comércio de rua e de 50% nos shopping centers ao longo do mês passado (março)”, destaca José Roberto Tadros, presidente da CNC.

Mesmo com a queda de 31,6%, o faturamento do varejo deve alcançar R$ 1,598 bilhões esse ano, contra R$ 2,336 bilhões no período passado. Segundo Fabio Bentes, economista da CNC, a alta do dólar e aversão ao credito por parte do consumidor dificultam o cenário.

“Estes acabam sendo problemas de menor magnitude perto dos efeitos negativos que a crise deverá provocar sobre o mercado de trabalho e, consequentemente, sobre a confiança dos consumidores quanto ao consumo não essencial”, pontua o economista.

Leia mais:

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui