Crédito turístico é tema de seminário da Setur/SP na próxima quinta

Serão detalhados o Fungetur, do Ministério do Turismo; o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe) e o Programa Emergencial de Acesso ao Crédito (PEAC), nova linha via BNDES

safe travels
Vinicius Lummertz, secretário de Turismo de São Paulo

Crédito turístico é um tema que vem gerando dúvidas entre o empresariado e gestores de destinos. Para ajudar o trade paulista, a Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo (Setur/SP) promove, nesta quinta-feira (16) mais um seminário do Programa de Crédito Turístico, com participação dos parceiros Desenvolve SP, Banco do Brasil e Caixa. O foco são as empresas das regiões turísticas, Estâncias e Municípios de Interesse Turístico (MITs).

A apresentação acontece a partir das 9h30 no canal da Setur/SP no Youtube. Serão detalhados o Fungetur, do Ministério do Turismo; o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe) e o Programa Emergencial de Acesso ao Crédito (PEAC), nova linha via BNDES.

O Programa de Crédito Turístico foi lançado em 2019 pela Setur/SP e a Desenvolve SP, com o objetivo de ajudar no desenvolvimento de destinos turísticos, com investimentos e para aquisição de bens e equipamentos. Com a crise econômica causada pelo novo coronavírus, o programa passou a auxiliar no acesso a capital de giro – salários, aluguéis, fornecedores e outras despesas fixas e operacionais.

As linhas de crédito têm taxas de juros entre 3,5% até 6% ao ano, carência de 6 a 12 meses e até 60 meses para amortização. Vinicius Lummertz, secretário de Turismo do estado, lembra que para orientar os empresários que buscam crédito no período de pandemia, além dos seminários online, há dois documentos disponíveis no site da Secretaria, que detalham as condições e esclarecem as principais dúvidas.

Mais informações podem ser obtidas no site da Secretaria de Turismo.

Deixe uma resposta