Curaçao projeta mínimo de 20 mil turistas brasileiros em 2020

No destino caribenho, visitantes saídos do Brasil são os que mais gastam, deixando EUA e Colômbia atrás

1
Curaçao
André Rojer, gerente Regional do Curaçao Tourist Board (CTB) para América do Sul

Curaçao começa a ser mais reconhecida no cenário turístico, principalmente por brasileiros. É o que mostrou Andre Rojer, gerente Regional do Curaçao Tourist Board (CTB) para América do Sul, durante evento nesta terça-feira (5), em São Paulo. De acordo com ele, o destino deve receber, no mínimo, 20 mil visitantes do Brasil em 2020.

“Nossa missão é ampliar cada vez mais a relação com agências e operadoras brasileiras. Não sei ao certo quantas vendem Curaçao, mas é fato que o número de turistas que chegam pelo Brasil é maior a cada ano. Em 2019, por exemplo, a expectativa é que fechemos com 16 mil visitantes brasileiros”, explicou.

Em suma, o turista tupiniquim é o que mais gasta na ilha caribenha, chegando ao ticket médio de US$ 250 ao dia e por pessoa. Em seguida, ficam os norte-americanos (US$ 230, na mesma frequência) e, por fim, colombianos.

“O brasileiro gasta em coisas diferentes do estadunidense. Enquanto o primeiro experiencia mais as belezas naturais, bares e gastronomia, o segundo prefere cassinos. São jeitos diferentes de aproveitar Curaçao, mas é por isso que o Brasil é um mercado emissor tão estratégico”, salientou o representante.


LEIA MAISCuraçao digitaliza cartão de imigração; entenda como funcionaAvianca Airlines oferece bilhetes a partir de US$ 469 para Curaçao
+ Flytour promove Curaçao Day e capacita agentes em São Paulo

Conectividade

Além da relação estabelecida com empresas do setor turístico do País, o CTB deve anunciar um voo direto ligando Brasil e o destino. “Ainda não está fechado e não podemos divulgar detalhes da companhia aérea. No entanto, é confirmado que um voo direto será anunciado nos próximos dias”, adiantou Rojer.

Aberturas

Em sua hotelaria, Curaçao tem boas previsões para o final de 2019 e o próximo ano. A partir do dia 15 de dezembro, a capital Willemstad receberá o Dreams Curaçao Resort, da AMResorts. O novo resort all inclusive terá 280 quartos.

Já em 2020, o Turismo aguarda grande – literalmente – novidade. Em abril, o país recebe a marca Corendon, com resort que terá 860 acomodações e 13 restaurantes. Rojer adianta que outros hotéis estão em plano de desenvolvimento em Curaçao para o ano que vem.


Leia Também:

– Curaçao terá festival de música com artistas de renome em agosto
– Curaçao Global Trade Symposium 2019 promove ação com 75 profissionais
– Caribe gay-friendly: os diferenciais de Curaçao para a comunidade LGBT+

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here