D.O M. sobe para quarto lugar entre os melhores restaurantes do mundo

Por: Antonio Euryco

O chef Alex Atala viu hoje mais uma consagração internacional do seu D.O.M., ao subir tres colocações em relação a 2011 e passar do sétimo para o posto de quarto melhor restaurante do mundo, na classificação da revista Restaurant – a mais famosa do setor. A divulgação feita em Londres posicionou, mais uma vez, e pelo terceiro ano consecutivo, o dinamarquês Noma, do chef René Redzepi, como o melhor do planeta

 

O segundo e terceiro lugares continuaram com os espanhóis El Celler, de Can Roca e  o Mugaritz, que também tinham estas posições no ano passado. Assim  foi o brasileiro quem deu o principal salto entre os melhores classificados. No total, cinco estabelecimentos espanhóis – três deles entre os 10 primeiros – e quatro latino-americanos estão na lista dos 50 melhores liderada pelo restaurante de Copenhague que colocou a cozinha nórdica no mapa da consagração gastronômica mundial.

 

Só para lembrar, foi o jovem chef René Redzepi do Noma quem tirou o primeiro posto de Ferrán Adrià e seu El Bulli. Quem ficou neste ano com o prêmio de melhor chef  foi Andoni Aduriz, do Mugaritz de Renteria (Pais Basco), o terceiro colocado na classificação geral e cotado, na bolsa gastronômica, para ser o líder no próximo ano.

 

Outra representante basca, Elena Mari, do Arak (oitavo lugar), ficou com o título de melhor chef mulher.

 

Outros restaurantes latinos que também receberam boa cotação foram  o Astrid y Gastón, 35o. lugar, do emblemático chef peruano Gastón Acurio, que subiu sete postos, e o Pujol, do mexicano Enrique Olvera na Cidade do México, que passou do 49º para o 36º. Outro restaurante mexicano, o  Biko, ocupa a 38ª posição.

 

A lista dos “World[]s 50 Best Restaurants” é elaborada anualmente por 800 críticos e gourmets,  surge como principal recomendação para a fama dos restaurantes em todo o mundo. O D.O.M. foi o primeiro brasileiro a entrar entre os dez melhores, com  o quarto lugar repete a identificação para o premio San Pellegrino e  pela quarta vez é escolhido como o melhor restaurante da América do Sul.  Com muitos parabéns e consagrado em seu estilo.

 

AE

Deixe uma resposta