Demanda por viagens domésticas cresce 35% no primeiro semestre

De acordo com o Expedia Group, 77% dessa demanda é nacional, com São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília no pódio de principais cidades

0

O Expedia Group registrou um crescimento de 30% na demandas por viagens às cidades brasileiras no primeiro semestre frente ao mesmo período do ano passado. Todos os principais destinos do País tiveram crescimento substancial neste ínterim.

Nos primeiros seis meses, 77% da demandas por viagens a destinos brasileiros pertencem ao mercado doméstico, cuja procura aumento quase 35%. Os 23% restantes foram de viajantes internacionais. Os principais mercados estrangeiros foram Estados Unidos, Argentina, Chile, Reino Unido e México. O mês com maior demanda do exterior foi fevereiro, quando os viajantes internacionais representaram 28% do total.


LEIA MAIS:
+ Pesquisa relaciona experiência do viajante à redução do turnover corporativo
+ Verão ano todo: pesquisa aponta preferência por calor nas férias de julho
+ Pesquisa: Busca por Brasília para férias de julho cresce 225% frente a 2018

As cidades com maior demanda entre janeiro e junho foram:

  • São Paulo +25%
  • Rio de Janeiro +20%
  • Brasília +30%
  • Curitiba +15%
  • Salvador +20%
  • Fortaleza +40%
  • Belo Horizonte +20%
  • Foz do Iguaçu +15%
  • Florianópolis +30%
  • Porto Alegre +15%

A duração média da hospedagem no primeiro semestre foi de dois dias, enquanto a antecedência média da procura foi de 20 dias. Entre as cidades mais procuradas, Fortaleza teve a maior duração média, de três dias, enquanto Foz do Iguaçu teve a maior antecedência na demanda, superior a 30 dias.

Outros destaques envolvem o tipo de demanda e a plataforma usada. A procura por pacotes turísticos – que inclui hotel e passagem aérea – cresceu quase 20% no primeiro semestre de 2019, com uma antecedência média de 43 dias e hospedagem média de quatro dias. Já a demanda via mobile crescimento de quase 65% no período, representando pouco mais de 35% do total.

“O Brasil tem uma coleção de destinos incríveis turisticamente, e as pessoas usam cada vez mais recursos para poder conhecê-los. A força que plataformas mostram na demanda por viagens e o crescente uso da tecnologia mobile são sinais importantes de que hoteleiros e demais parceiros de viagem precisam estar atentos e dispostos a integrar de forma permanente a inovação tecnológica ao seu negócio”, comenta Freddy Dominguez, vice-presidente e gerente de Mercado do Expedia Group na América Latina

Segundo trimestre

Considerando apenas os meses entre abril e junho de 2019, em comparação com o mesmo período do ano passado, o crescimento na demandas por viagens aos destinos brasileiros foi ainda maior de quase 35%. A proporção de viajantes domésticos também foi maior que a do primeiro semestre como um todo, chegando perto dos 80%.


LEIA MAIS:
+ Resorts Brasil realizará pesquisa especial durante a Aviesp 2019
+ Google permite pesquisa de destinos de voos por preço
+ São Paulo é o destino mais procurado para o Carnaval, segundo pesquisa

A lista dos principais mercados emissores de viajantes internacionais é praticamente a mesma. Apenas Reino Unido e Chile trocam de lugar, com o país sul-americano caindo uma posição. Há mudanças também no ranking de cidades mais buscadas, com maior proeminência de destinos de inverno. Considerando apenas o segundo trimestre, a maior demanda ocorreu, na ordem, para os seguintes locais:

  • São Paulo
  • Rio de Janeiro
  • Brasília
  • Curitiba
  • Fortaleza
  • Belo Horizonte
  • Salvador
  • Porto Alegre
  • Foz do Iguaçu
  • Gramado

A antecedência média da procura no segundo trimestre foi de quase 20 dias e a duração média da hospedagem de dois dias. Já a demanda via mobile nesse período cresceu 65% em relação ao ano anterior, enquanto a procura por pacotes foi quase 15% maior.

Cidades mais procuradas

Veja abaixo mais informações sobre as dez cidades brasileiras mais demandadas no primeiro semestre de 2019 no ranking geral, na busca por pacotes e no uso do mobile:

Dez cidades brasileiras mais procuradas no primeiro semestre de 2019

Cidade Crescimento da demanda  Duração média da hospedagem Antecedência média da procura
São Paulo Quase 25% 2 dias 16 dias
Rio de Janeiro Quase 20% 3 dias 27 dias
Brasília 30% 2 dias 12 dias
Curitiba Mais de 15% 2 dias 14 dias
Salvador Mais de 20% 2 dias 26 dias
Fortaleza Mais de 40% 3 dias 28 dias
Belo Horizonte Mais de 20% 2 dias 13 dias
Foz do Iguaçu Mais de 15% 2 dias 33 dias
Florianópolis Mais de 30% 3 dias 24 dias
Porto Alegre Mais de 15% 2 dias 18 dias

 

Dez cidades brasileiras com a maior demanda de pacotes de viagem (hotel + voo) no primeiro semestre de 2019:

Cidade Crescimento da demanda Duração média da hospedagem Antecedência média da reserva
Rio de Janeiro Mais de 25% 4 dias 53 dias
São Paulo Quase 1% 3 dias 26 dias
Búzios Mais de 5% 6 dias 67 dias
Florianópolis Mais de 50% 4 dias 42 dias
Fortaleza Mais de 20% 4 dias 51 dias
Salvador Mais de 10% 4 dias 50 dias
Foz do Iguaçu Quase 5% 3 dias 58 dias
Natal Queda de 10% 4 dias 65 dias
Porto de Galinhas 25% 6 dias 74 dias
Porto Seguro Mais de 5% 5 dias 74 dias

 

Dez cidades brasileiras com a maior demanda via mobile no primeiro semestre de 2019:

Cidade Crescimento da demanda Duração média da hospedagem Antecedência média da reserva
São Paulo Quase 50% 2 dias 12 dias
Rio de Janeiro Mais de 45% 2 dias 17 dias
Brasília Mais de 60% 2 dias 9 dias
Curitiba Mais de 40% 2 dias 9 dias
Salvador Mais de 45% 2 dias 16 dias
Belo Horizonte Mais de 35% 2 dias 9 dias
Fortaleza 100% 2 dias 19 dias
Porto Alegre Mais de 35% 2 dias 12 dias
Foz do Iguaçu Mais de 5%% 2 dias 21 dias
Recife Quase 45% 2 dias 13 dias

Leia também:
Conheça os destinos mais buscados em 2018, segundo pesquisa
Pesquisa revela quais são as comodidades preferidas pelo viajante brasileiro
Pesquisa revela que 62,4% das mulheres prefere viajar em família

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here