Disney celebra Mês da História Negra com exposição sobre Jazz

Apresentando Joe Gardner de “Soul” (filme da Disney e da Pixar), a nova exposição mostra artefatos históricos de músicos de jazz famosos

disney
Foto: reprodução

Durante o mês de fevereiro, o Walt Disney World Resort promoverá a exposição The Soul of Jazz: An American Adventure no EPCOT e Disney Springs. A ação celebra o Mês da História Negra nos Estados Unidos.

Apresentando Joe Gardner de “Soul” (filme da Disney e da Pixar), a nova exposição mostra artefatos históricos de músicos de jazz famosos e convida os visitantes para uma turnê musical pelos Estados Unidos.

Também neste mês, o “Celebrate Soulfully at Disney Springs”reúne diversas ofertas no distrito de compras, restaurantes e entretenimento do complexo. Com performances inspiradas no jazz, novas exibições de arte, menus de comidas especiais e outras novidades, todos poderão aproveitar muito toda a celebração.

Haverá quatro novas obras de arte inspiradas em “Soul” criadas por artistas negros emergentes: Bee Harris, Bianca Pastel, Arrington Porter e Cory Van Lew. Originalmente desenvolvido em colaboração com a Disney e a Pixar como parte de uma coleção da “HUE Unlimited” de arte vestível, as obras refletem a interpretação de cada artista sobre o filme.

A marca promoverá também segundas com apresentações de Motown, quintas-feiras com Jazz e domingos de Smooth. Os músicos se apresentarão no Disney Springs. Além disso, alguns restaurantes apresentarão itens especiais no menu, incluindo a Patisserie da Amorette, que oferece iguarias inspiradas em “Soul” e na “Princesa e o Sapo” do Walt Disney Animation Studio. Vários locais de varejo colocarão em destaque produtos de designers, artistas e visionários negros.

Outra iniciativa é o programa “Filmes sob as Estrelas”, em que alguns hotéis do Disney Resort exibirão filmes que celebram a cultura negra, como “A Princesa e o Sapo” ao ar livre. As amostras estão disponíveis para os hóspedes dos hotéis.

Deixe uma resposta