Diversidade é a palavra da vez?

Apesar de políticas públicas tímidas, muitas empresas já perceberam que precisam se adequar à pluralidade. No mercado de viagens e eventos também?

diversidade

Chegamos à segunda edição da nossa coluna e não podemos começar sem agradecer às centenas de mensagens de elogios e apoio, desejando sucesso e vida longa ao projeto. De verdade, ficamos emocionados e mais conscientes da nossa responsabilidade de quinzenalmente trazer um conteúdo que realmente agregue e ajude o nosso mercado.

No dicionário, diversidade significa “qualidade daquilo que é diverso, diferente e variado”. Não é difícil enxergar que vivemos em uma sociedade diversa. A palavra, entretanto, vem ganhando força quando nos referimos a gênero, sexualidade, etnia ou classes sociais.

A questão que fica é: Se vivemos em um mundo diverso, em um País diverso e em uma sociedade diversa, por que precisamos tanto falar sobre a importância da diversidade?

Estudos recentes mostram que a diversidade da sociedade não se reflete em certos ambientes, quase sempre ocupados por aqueles que se encontram no topo da pirâmide social. Uma pesquisa do IBGE divulgada em 8 de março, Dia Internacional da Mulher,  mostrou que as trabalhadoras ganham menos do que os homens em todas as ocupações do levantamento, chegando a receber um terço do salário pago a homens que desempenham a mesma função. Quando fizeram um recorte por cor, esse número quase dobrou. E aqui estamos falando apenas de equidade de gênero e raça.

Nas próximas edições da coluna vamos conversar com fornecedores e clientes do mercado de viagens e eventos corporativos para saber mais sobre como andam as boas práticas no nosso setor. Mas, antes, vamos aproveitar esse espaço para fazer um nivelamento conceitual? Montamos aqui um “bate-bola” para ajudar você a conhecer um pouco mais sobre o tema diversidade & inclusão. A ideia é desmistificar alguns assuntos e palavras que consideramos importantes para avançar em nossa discussão nas próximas semanas.

Diversidade

É a reunião de tudo aquilo que tem múltiplos aspectos, variedade, ou seja, que é diferente entre si. Geralmente a palavra nos remete ao quesito biológico, mas ela é muito mais ampla do que isso. Devemos pensar na diversidade cultural, étnica, geracional, de pensamentos, religiosa, de formação, etc.

Inclusão

Não adianta ter um ambiente com pessoas diversas se elas não se sentirem incluídas e pertencentes àquele ambiente. Inclusão refere-se a essa integração igualitária, com direitos e deveres iguais a todos(as) não importando as diferenças.

Vieses inconscientes

Nem sempre vivemos em ambientes inclusivos e nem tivemos contato com pessoas diferentes de nós. Isso faz com que, baseados em preconceitos, crenças culturais e estereótipos, criemos uma barreira invisível que nos separa de pessoas diferentes de nós, essa barreira é chamada de viés inconsciente. São as ações, os pensamentos e as atitudes que tomamos quando estamos no piloto automático e nos baseando nas informações que temos no nosso inconsciente. Apesar deste ato muitas vezes não ser intencional, os nossos vieses inconscientes são responsáveis por um conjunto de ações discriminatórias que prejudicam muito os grupos minorizados.

É importante dizer que todos nós temos nossos vieses inconscientes, eles irão diferir de uma pessoa para a outra devido a sua convivência. 

Discriminação

Toda distinção, exclusão ou preferência, com base em raça, cor, sexo, idade, estado civil, aparência, orientação sexual, deficiência, doença, religião, opinião política, nacionalidade, origem social ou outra razão, que tenha por efeito anular ou reduzir a igualdade de oportunidade ou de tratamento no emprego ou na profissão; preconceito em ação.

Preconceito

Atitude fortemente enraizada que considera diferenças como fraquezas. Antes de conhecermos uma pessoa já a julgamos baseados (as) num conceito pré estabelecido baseado no que acreditamos sobre o grupo que ela está inserida.

Tolerância

Respeito aos diversos valores, comportamentos e crenças dos indivíduos. Porém a palavra não é bem aceita, já que ela nos remete ao fato que vamos engolir e não respeitar. Aqui sugerimos usar Respeitar!

Igualdade

É o ato de tratar todos e todas de forma igualitária, dando as mesmas oportunidades sem distinção e não privilegiando nenhum grupo seja por qual motivo for.

Equidade

Sistema de práticas garantidoras a todos os indivíduos de igualdade de tratamento, de oportunidades de desenvolvimento, de condições para a concorrência com base na competência e de acesso a serviços, independentemente de gênero, raça, idade, religião, nacionalidade etc. A definição pode parecer parecida com a de Igualdade, a diferença é que nem todos saem do mesmo ponto de partida, então se dermos a mesma oportunidade para quem tem mais obstáculos no caminho no final não estaremos sendo igualitários de verdade. Então a equidade visa equiparar as oportunidades para que então haja igualdade.

Ação afirmativa

Medidas proativas para eliminar e remediar os efeitos da discriminação contra grupos minorizados e para garantir igualdade de oportunidades educacionais e empregatícias.

Quanta coisa para aprender, né? Se você, assim como a gente, gostou de rever ou aprender todos esses conceitos, aproveite e compartilhe esse texto, divulgue para o RH da sua empresa, seus amigos e colegas de trabalho. E se inscreva em nosso canal!

Nos vemos novamente em duas semanas!

Um excelente setembro para todos! Cuidem-se!

Ouça esse conteúdo em podcast:

Ou assista em vídeo:

1 COMENTÁRIO

  1. Achei incrível a matéria sobre Diversidade & Inclusão,Viéses Inconscientes… auxiliando nas estratégias para as àreas de Eventos e Turismo.
    Parabéns aos colunitas!

Deixe uma resposta