Emanuel Freitas, do resort Dom Pedro Laguna, recebe título de cidadão fortalezense

Por: Chris Flores

Na próxima segunda-feira, dia 2 de fevereiro, a Câmara Municipal de Fortaleza concede o título de Cidadão Fortalezense ao português Emanuel José Moreira de Freitas, gerente da rede Dom Pedro Hotels no Brasil.

 

Publicada no Diário Oficial do Município no último dia 24 de outubro, através do Decreto Legislativo 661, de autoria do vereador Márcio Cruz (PROS), a Cidadania será comemorada em solenidade no Hotel Dom Pedro Laguna, a partir das 16h.  

 

Segundo Cruz, o trabalho de Emanuel Freitas à frente da rede hoteleira rende importantes ganhos à cidade de Fortaleza. “Anualmente, milhares de turistas desembarcam em nossa capital para desfrutar dos serviços disponibilizados pelo hotel que, embora localizado dentro do complexo Aquiraz Riviera, contribui de modo significativo com o setor de Fortaleza, tendo em vista a geração de emprego para os fortalezenses; e o diálogo e fomento que estabelece com atrações locais, como o Mercado Central, a tradicional Feirinha da Beira Mar, o Theatro José de Alencar e tantos outros ícones da nossa cultura alencarina”, afirmou o vereador. 

 

Márcio Cruz enfatiza, ainda, que o empenho de Emanuel Freitas, comandando a qualidade do Hotel Dom Pedro Laguna, tem sido fundamental para o conjunto de fatores que atrai grandes eventos para Fortaleza, tais como o Encontro Internacional do Banco Mundial (Bird), entre outros. “Alguém que contribui de modo tão significativo para nosso crescimento e para o desenvolvimento do nosso povo, merece este reconhecimento”, concluiu o vereador.

 

Sobre o homenageado

 

Natural da cidade do Porto, em Portugal, Emanuel José Moreira de Freitas é graduado em Gestão e Técnica Hoteleira pela Escola de Hotelaria e Turismo do Porto, com pós-graduação em Hotel Management pelo Centre Internacional de Glion, na Suiça.

 

Após atuar nos demais empreendimentos da rede Dom Pedro Hotels mudou-se para Fortaleza em 2010, onde assumiu o cargo de gerente geral do Hotel Dom Pedro Laguna, contribuindo de forma significativa para o fomento do turismo e, sobretudo, a disseminação da cultura local.

 

Responsável pela geração de mais de 600 empregos, entre diretos e indiretos, o Dom Pedro Laguna recebe, em média, 35 mil turistas por ano, servindo de palco para artistas locais que apresentam a cultura cearense aos visitantes. A responsabilidade social do empreendimento também é vivenciada através de projetos e práticas de esportes para jovens de comunidades carentes. 

 

 

CF

Deixe uma resposta