Emirates abre Barcelona e terá uma seqüência de novos destinos

Por: Antonio Euryco

A Emirates  começou ontem (3),  a rota Dubai-Barcelona,  utilizando equipamento Boeing B777-300 ER com 360 lugares em três classes,  quando transportou passageiros de 20 nacionalidades. A empresa triplicou sua  oferta de passageiros de e para Espanha com três voos diários,  pois desde o dia primeiro havia dobrado os voos para Madri.

 

No dia 9, vai iniciar a  rota de Lisboa, o décimo de 12 destinos deste ano, pois até setembro já tem mais outras três novidades: Adelaide, na Austrália, Lyon, na França, e Varsóvia, capital da Polônia.  Uma expansão ‘global e concentrada’, como observa o Xeque Ahmed bin Saeed Al Maktoum, CEO do Emirates Airline & Group.  Entre os próximos inícios Erbil,  no Iraque, a 12 de agosto, e Washington, a capital americana a partir do dia 12 de Setembro.

 

A aposta no Leste Europeu  foi também reforçada com o anúncio  de que a partir de 1 de Dezembro vai aumentar a capacidade na linha de Moscou, aeroporto de Domodedovo, com a utilização do A380, com 427 lugares em económica, 76 em business e 14 em primeira, em dos dois voos diários, em substituição do B777-300ER. Para Paris também houve duplicação do voo diário com o A380.

 

A empresa sediada em Dubai conta com uma frota de 175 aviões, e  21 deles são Airbus A380, o maior comercial do mundo. Além destes destinos anunciados, neste ano já começou as rotas do Rio de Janeiro, Buenos Aires, Dublin, Lusaka, Harare, Dallas, Seattle, Cidade de Ho Chi Minh. Erbil, Iraque, a 12 de Agosto, e Washington, a 12 de Setembro.

 

AE

 

Deixe uma resposta