Emirates e Qantas anunciam parceria global de aviação

Por: Camila Oliveira

 

A Emirates e a Qantas anunciam uma nova parceria global de aviação que dará aos clietnes uma rede internacional e contínua à Austrália, além de benefícios exclusivos a passageiros frequentes e experiências de viagem de classe mundial. E em 31 de março do próximo ano, a Qantas encerra o codeshare com a British Airways.

 

Sob o acordo assinado pelo presidente da Emirates, Tim Clark, e o CEO da Qantas, Alan Joyce, a Qantas mudará seu hub para voos europeus de Singapura para Dubai e, assim, começará uma extensiva relação comercial com a Emirates. A parceria de codesharing de dez anos é reforçada pela colaboração em rede integrada com preços, vendas e agendamentos coordenados, bem como um modelo de partilha de benefícios. Nenhuma das duas companhias assumirá participação na outra.

 

Juntas, as duas companhias oferecerão 98 serviços semanais entre a Austrália e Dubai, incluindo quatro voos diários do A380. Com a Emirates voando com a maior frota de A380 do mundo – são 23 aeronaves desse modelo –, e a adição de 12 A380 da Qantas, serão agora 35 no total, de modo que muitos voos para a Europa, incluindo Londres, Paris, Moscou, Amsterdã, Munique e Roma, também serão realizados na famosa aeronave. Além disso, a Qantas lançará serviços diários do A380 de Sydney e Melbourne para Londres via Dubai, promovendo um combinado sem precedentes de sete voos diários de A380 para Londres, Aeroporto de Heathrow. Trinta gateways adicionais europeus poderão ser facilmente alcançados a partir da Austrália via Dubai.

 

Para os clientes da Emirates, o grupo australiano Qantas oferecerá uma rede doméstica de mais de 50 destinos e cerca de 5 mil voos por semana. As companhias aéreas também coordenarão seus respectivos serviços trans-Tasmânia entre Austrália e Nova Zelândia, com a Emirates oferecendo melhores horários para voos para Christchurch e Auckland – e incluindo a introdução de serviços diários da Emirates com o A380 na rota Melbourne-Auckland em outubro.

Os acordos de milhagem de Emirates e Qantas serão alinhados, dando aos clientes oportunidades expandidas para acumular e resgatar pontos, com acesso recíproco aos benefícios de status e incluindo o reconhecimento de clientes de ponta a ponta, com acesso ao lounge e prioridade no check-in e no embarque, bem como outros serviços exclusivos.

 

“O momento era certo para o desenvolvimento da parceria de longo prazo e grande futuro com a Qantas, a icônica companhia aérea australiana”, disse Clark. “Desde nossos primeiros voos em 1996, a Austrália tem sido um destino popular para os viajantes da Emirates a lazer e negócios, tornando-se um dos três principais destinos na nossa rede.” “Ao estabelecer esta parceria, estamos oferecendo aos nossos passageiros conectividade adicional na Austrália e na região e a capacidade de promover benefícios avançados a passageiros frequentes, como ter acesso a salas premium para uma experiência de viagem excepcional”, acrescentou.

 

Emirates e Qantas trabalharão juntas para garantir uma experiência mais confortável aos clientes, incluindo o acesso mútuo a lounges, o uso compartilhado de instalações da Emirates dedicadas ao A380 previstas para estrear no início de 2013 em Dubai, franquia de bagagem coordenada e serviço de motorista para clientes premium.

 

O CEO do Qantas Group, Alan Joyce, disse que a parceria dará benefícios sem precedentes aos clientes Qantas e marcará um passo decisivo na estratégia da empresa. “A Emirates é o parceiro ideal para a Qantas”, disse Joyce. “A Emirates tem uma marca maravilhosa, uma frota moderna, compromisso com a qualidade, e voa para uma lista top de destinos internacionais.”

 

“Como a maior companhia aérea internacional do mundo, e com uma rede que complementa perfeitamente a nossa própria, a Emirates nos ajudará a oferecer aos nossos clientes em toda a Austrália uma ampla expansão de opções de viagem. Juntamente com a Emirates, a Qantas oferecerá um serviço exclusivo ‘one stop’ hub, bem como uma proposta profundamente integrada a passageiros frequentes e clientes.”

 

“A parceria atende a todos os quatro pilares da estratégia internacional do grupo Qantas: nos fará voar para a cidade porta de entrada global Dubai, fornecerá algumas das melhores experiências do mundo em viagens tanto com a Qantas como com a Emirates, melhorará nossa posição na Ásia com voos mais bem coordenados e, fundamentalmente, ajudará a construir uma Qantas forte nos negócios internacionais de longo prazo”, acrescentou.

 

As companhias aéreas apresentarão pedidos de autorização para a Australian Competition and Consumer Commission (ACCC) e outras autoridades reguladoras, a fim de iniciar o planejamento comercial. Sujeitos a aprovações regulatórias, prevê-se que os acordos de parceria entrarão em vigor em abril de 2013.

 

CO

 

Deixe uma resposta