Especial Dia da Mulher: Annie Morrisey, vice-presidente de vendas e marketing da Atlantica, revela sua experiência profissional

Por: Rafael Lima

 A inglesa Annie Morrisey, vice-presidente de vendas e marketing da Atlantica, usou um termo bem brasileiro para explicar como foi seu processo de mudança de Londres para São Paulo, em meados de 1986. Segundo ela, tudo aconteceu como “cair de paraquedas”. O convite inesperado veio de um antigo chefe no Utell, onde na época a executiva atuava na área de marketing. Formada em Letras – Espanhol e, portanto, com uma boa facilidade em línguas latinas, Annie não recusou a oportunidade. “Eu era muito jovem, não estava casada nem tinha filhos. Então, abracei a oportunidade e fui embora”, relembra.

 

Depois de seis meses, Annie foi convidada a estender sua jornada e abrir um escritório da empresa em São Paulo, além de atuar em outros mercados latinos. A proposta para integrar a equipe da Atlantica surgiu depois de 18 anos na Utell. “Era algo novo para mim, e foi uma tremenda experiência. Começamos com cerca de sete hotéis, número que hoje chegou a 80”, diz.

 

No entanto, Annie revela que busca equilíbrio entre os lados profissional e pessoal. “Tenho uma filha de 11 anos que está entrando na adolescência. Por isso, preciso sempre estar por perto para apoia-la”, explica. Ela  conta que durante a semana costuma sempre verificar e-mails e estar com telefone ligado – prática que, aos sábados e domingos, procura se disciplinar para estar em modo off.

 

Quando opina a respeito do papel da mulher no mercado de trabalho, a executiva observa que flexibilidade se tornou valor essencial para manter bons talentos motivados, indepentemente do gênero. “Se precisar sair mais cedo ou tiver que trabalhar uma vez por semana em casa não vejo problemas nisso. Afinal de contas, profissionais de excelência vão buscar cumprir suas funções mesmo em horários alternativos”.

 

Annie conclui dizendo que dentro do mercado de turismo ainda faltam mulheres em cargos altos no governo. “E com certeza não vejo isso como falta de capacidade. Acredito que a mulher precisa continuar buscando seu espaço”.

 

Neste ano, a vice-presidente investe na capacitação das equipes da Atlantica – que irá inaugurar onze novos empreendimentos até dezembro. Você pode conferir outras novidades da marca neste link.

 

 

 Rafael Lima

Deixe uma resposta