Etihad Airways manterá foco no Brasil

Por: Chris Flores

Este ano representou um período extremamente importante para a Etihad Airways. Em maio de 2014, foi lançada a nova oferta de produtos e serviços para as aeronaves A380 e B787, incluindo The Residence by Etihad, a primeira cabine de três cômodos em um avião comercial, algo sem precedentes na indústria.

 

No Brasil, as operações foram expandidas: com pouco mais de um ano de operação no País, foram atingidas taxas de ocupação significativas nos voos diários entre os aeroportos de Guarulhos, em São Paulo, e Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, com mais de 76% dos assentos vendidos, 15% por cento a mais do que no ano passado.

 

Além disso, uma importante parceria de codeshare com a GOL Linhas Aéreas Inteligentes permitiu que a Etihad Airways colocasse o seu código EY nos voos operados pela GOL, em toda a malha de destinos domésticos da companhia brasileira, bem como para outros destinos na América do Sul. Esta ação complementa um acordo de interline assinado com a GOL no ano passado, semelhantes aos que já possuem com Azul e TAM.

 

A equipe no Brasil também cresceu. Além de quatro executivos de vendas em São Paulo, agora a companhia possui mais três cobrindo o território brasileiro, um em Belo Horizonte para atender Minas Gerais, Distrito Federal e as regiões Norte e Nordeste do Brasil; um em Porto Alegre, para atender o sul do Brasil; e outro sediado no Rio de Janeiro, que provou ser um mercado promissor para a companhia aérea.

 

Em 2015, serão expandidas as rotas operadas pelas aeronaves A380 e B787. O A380 voará para Nova York e Sydney no ano que vem. O B787 vai começar a operar voos diários para Dusseldorf a partir de 1º de fevereiro de 2015. Outras rotas a serem operadas pelo B787 em 2015 incluem Washington DC, Mumbai, Moscou e Brisbane.

 

“No Brasil, vamos manter o foco no fortalecimento de nossa presença no mercado nacional, por meio do envolvimento com parceiros comerciais e de turismo, firmando parcerias estratégicas com empresas líderes de mercado com o objetivo de promover viagens e turismo entre o Brasil e os Emirados Árabes Unidos, e para os principais destinos em toda a nossa malha de destinos global. Também vamos continuar a analisar o mercado para identificar possibilidades de novos acordos”, afirmou o diretor geral da Etihad no Brasil, Christophe Didier.

 

Clique aqui e confira mais perspectivas para 2015 em nossa versão digital.



Christiane Flores

Deixe uma resposta