Etihad considera mais investimentos acionários

Por: Carolina Maia

A Etihad Airways, companhia aérea nacional dos Emirados Árabes Unidos, prenuncia mais investimentos em outras companhias aéreas à medida que continua aumentando sua presença global com crescimento orgânico e parcerias estratégicas. Ao falar durante o FVW Kongress,em Colônia, Alemanha, o presidente e CEO da Etihad Airways, James Hogan, afirmou que a companhia aérea estava envolvida em três grandes transações – a aquisição de 24% da indiana Jet Airways, uma participação de 49% e contrato de gestão na Air Serbia e o aumento nas ações da Virgin Australia.

“O alcance global está além da capacidade de uma só companhia aérea. O progresso deve vir por meio da parceria. Os investimentos que estamos fazendo oferecem benefícios consideráveis não apenas às companhias aéreas, mas para nossos passageiros e clientes de carga. Consideraremos mais parcerias estratégicas se elas agregarem valor”, disse Hogan.

A Etihad Airways lançou sua estratégia de investimento acionário em 2011, com a compra de uma fatia de 29% da Air Berlin, seguida por um investimento de40% na Air Seychelles, que incluiu um contrato de gestão de cinco anos. No ano passado, a Etihad investiu naVirgin Austráliae uma participação de 3% na irlandesa AerLingus. Neste ano, houve o acordo com a Air Serbiae, sujeito a aprovação final, o investimento na Jet Airways.

Juntas, Etihad Airways e essas seis companhias aéreas atendem a mais de 340 destinos, com uma frota de 511 aeronaves. Em 2012, elas transportaram um total combinado de mais de 91 milhões de passageiros – comparável a parcerias de grandes companhias na Europa e Ásia.

“Investimentos acionários oferecem benefícios de sinergia que não podem ser atingidos por meio do modelo antigo de alianças entre companhias aéreas. Tais alianças se concentram amplamente em benefícios à rede e à receita. Nossa aliança acionária oferece benefícios muito mais amplos para todos os parceiros, incluindo oportunidades de reduzir custos pelo compartilhamento de recursos e aquisições em conjunto”, afirmou Hogan.

Hogan disse que o investimento na Air Berlin havia oferecido ganhos consideráveis às duas empresas, com mais de 260 mil passageiros voando em suas redes combinadas no primeiro semestre de 2013 – quatro vezes mais do que o registrado no mesmo período de 2012. A Etihad Airways agora faz codeshare em 61 rotas da Air Berlin, enquanto esta faz codeshare em 31 rotas da Etihad Airways. Juntas, as companhias operam 42 voos por semana entre Abu Dhabi e quatro cidades alemãs – Frankfurt e Dusseldorf (ambas), Munique (Etihad Airways) e Berlim (Air Berlin).

Além disso, planos para impulsionar diversas outras sinergias estão sendo implementados. Os programas de fidelidade Etihad Guest e Air Berlin Topbonus foram integrados, permitindo que passageiros das duas companhias ganhem e resgatem pontos de milhagem em cada uma. Facilidades de reservas e compras de bilhete serão estabelecidas na nova sede europeia da Etihad em Berlin, e ambas as empresas entraram em um acordo sobre interiores idênticos, motores e um programa de implementação conjunta para sua nova aeronave Boeing 787-9, que entrará em serviço em 2014.

“Nossa aliança acionária é um novo modelo de negócio para o setor de aviação”, finalizou Hogan.

CM

 

Deixe uma resposta