Foz de Iguaçu (PR) destaca janeiro de 2019 como o melhor mês na história do turismo local

0
Foto: Christian Rizzi

Foz do Iguaçu inicia o ano com a perspectiva de quebra de novo recorde de visitação. Janeiro já é o melhor mês na história do turismo. O Marco das Três Fronteiras, um dos principais atrativos do destino, recebeu no primeiro mês do ano 28% a mais de visitantes do que em janeiro de 2018. Passaram pela bilheteria do atrativo no último mês 62.777 pessoas, ante 49.138 visitantes (2018). A maioria é de brasileiros.

No ano passado, o Marco das Três Fronteiras foi visto por 407.831 visitantes. Outro destaque no fortalecimento do atrativo foi o aumento da presença de estrangeiros. Em 2018, turistas de 127 países estiveram no Marco das 3 Fronteiras, atração que valoriza a cultura e a história da região.

O local tem opções de lazer para toda a família. O Restaurante Cabeza de Vaca traz a gastronomia regional; o parque infantil garante diversão para as crianças; os cenários do atrativo permitem belos registros fotográficos e vídeos; e, ao fim da tarde e início da noite, os visitantes têm uma série de atrações culturais, como o Labirinto Cultural e a Roda-Gigante.

Cataratas

O Parque Nacional do Iguaçu (PNI), onde estão localizadas as Cataratas do Iguaçu recebeu em janeiro deste ano 238.635 pessoas. Isso representa um crescimento de 2% em relação ao mesmo período do ano anterior, quando 233.598 visitantes entraram na unidade de conservação.

Os brasileiros lideram o ranking de visitação no primeiro mês do ano nas Cataratas do Iguaçu, uma das Sete Maravilhas da Natureza. Passaram pelo atrativo 148.342 pessoas, o que representa 62% do público geral registrado no mês passado.

Em comparação a janeiro de 2018, houve um aumento de 4% no número de brasileiros que visitaram o local. No mesmo período do ano passado 142.682 brasileiros visitaram o PNI. “Foi um bom começo de ano. Foz do Iguaçu é um destino múltiplo: conciliamos natureza, lazer, eventos, compras, ecoaventura e agora, também, o turismo termal. Este ano, vamos investir no turismo de golfe, casamentos e gastronômico”, afirma o secretário de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos, Gilmar Piolla.

Existe ainda a expectativa de quebra de recorde nos outros atrativos, como Itaipu e Parque das Aves. Os números finais serão divulgados  nos próximos dias, mas já é aguardado um aumento de visitação em comparação ao mesmo período do ano passado.

A hotelaria também deve comemorar uma ocupação média expressiva para o mês de janeiro. Seguindo a tendência de crescimento do ano passado, o Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu, que divulgará os números de embarques e desembarques nos próximos dias, também acumulará números positivos no início deste ano, principalmente em função da operação de voos extras.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here